Copa das Confederações: Fernando Santos entende que 3° lugar para Portugal é justo

Atual campeã europeia, Portugal bate, de virada, o México na prorrogação e conquista o terceiro lugar

Copa das Confederações: Fernando Santos entende que 3° lugar para Portugal é justo
Fernando Santos lamentou a ausência portuguesa na final, mas classifica justo o terceiro lugar - Crédito: Francisco Paraíso

Antônio Boaventura
Moscou, RUS, 02 de julho de 2017

Candidata ao título desta edição da Copa das Confederações, a seleção de Portugal encerrou sua campanha na competição intercontinental na terceira colocação depois de bater a seleção do México por 2 a 1, de virada, na prorrogação. Já o técnico Fernando Santos afirmou que a vitória sobre os mexicanos foi merecida.

“Este não era o jogo que queríamos jogar, mas nos sentimos satisfeitos com o resultado. Ambos os times foram bons, mas acho que mereceríamos a vitória no final. Acho que os portugueses devem estar – e estão seguramente -, até por aquilo que tenho recebido mensagens de que estão muito orgulhosos desta equipe”, declarou o técnico português, Fernando Santos.

Entretanto, Santos não pode contar no duelo contra os mexicanos com sua principal estrela, o atacante Cristiano Ronaldo. O atleta do Real Madrid (ESP) foi dispensado para conhecer os filhos recém-nascidos. “Foi um bom jogo, as duas equipas a procurarem ganhar. Neste jogo só isso fazia sentido. Acho que Portugal esteve muito bem em quase todo o jogo. Teve uma infelicidade, sofreu um golo quando podia ter marcado antes, mas continuou a trabalhar e a lutar pelo resultado”.

“Acabou por ser feliz, marcou um golo no fim, mas o México na fase de grupos também tinha empatado no fim. Agora aconteceu a nós. Acho que fomos melhores. A parte final é sempre difícil, há uma ansiedade muito grande, os jogadores estão muito cansados, mas foi uma vitória justa de Portugal”, concluiu.

Depois de vencer a seleção do México por 2 a 1, com gols do zagueiro brasileiro naturalizado português, Pepe, e de Adrian Silva, a seleção de Portugal, atual campeã da Europa, encerrou sua participação na 10ª edição da Copa das Confederações com o 3° lugar. Em cinco jogos realizados, os portugueses conquistaram três vitórias e outros dois empates.

Recomendadas