Rússia 2018: Apesar da derrota para a Rússia, Héctor Cúper prefere destacar importância de Salah para a seleção do Egito

Com o revés por 3 a 1 frente a seleção russa nesta terça-feira, 19, os egípcios torcem para que a Arábia Saudita possa vencer o Uruguai, e assim se manter com chances de classificação

Rússia 2018: Apesar da derrota para a Rússia, Héctor Cúper prefere destacar importância de Salah para a seleção do Egito
Mohammed Salah, atacante do Liverpool (ENG), marcou o único gol do Egito nesta edição da Copa do Mundo - Crédito: Divulgação / rfs.ru

Antônio Boaventura
São Petersburgo, RUS, 19 de junho de 2018

O futuro do Egito em seu retorno a disputa de Copa do Mundo após 28 anos está nas mãos da Arábia Saudita, que precisa vencer o Uruguai nesta quarta-feira, 20, para manter os egípcios em condições de conquistar a classificação para a próxima fase do Mundial. Apesar da derrota por 3 a 1 para a Rússia, em São Petersburgo (RUS), o técnico argentino Héctor Cúper preferiu destacar a importância que o atacante Mohamed Salah, atleta do Liverpool (ENG), tem para a seleção africana.

“Nós todos sabemos da importância de Mohammed Salah, que é um jogador muito importante e, infelizmente, sofre com uma lesão. Estávamos preocupados e sabíamos que a recuperação de sua forma física seria útil para nós, e isso aconteceu. Eu esperava que sua participação nos últimos jogos, porque ele ele foi importante na formação com seus colegas”, explicou o técnico argentino Héctor Cúper

Contudo, o argentino entende que o Egito perdeu o confronto para os anfitriões em um período de 15 minutos, em especial, por conta dos gols sofridos em sequência na etapa final daquela partida. Ainda na primeira etapa, o zagueiro Fatih marcou contra para os donos da casa, enquanto Cheryshev e Dzyuba ampliaram na etapa final. Coube ao craque egípcio Mohamed Salah, de pênalti, marcar o gol de honra da seleção africana já nos minutos finais.

“Temos tido muitos problemas , incluindo a falta de foco e também não melhorou em defesa. Mas, não podemos perder o foco no torneio como a Copa do mundo, porque ele não podemos dar nenhum espaço para ele. Então, nós perdemos e faltou sorte para o Asafna, em que nós poderíamos ter marcado com Atotina em outras oportunidades”, concluiu.

Na 3ª colocação do grupo A da Copa do Mundo da Rússia com nenhum ponto conquistado em 2 jogos realizados, o Egito encara na próxima segunda-feira, 25, ás 11h, na Arena Volgogrado, em Volgogrado, na Rússia, a Arábia Saudita, 4ª colocada na chave com nenhum ponto ganho. A partida é válida pela 3ª rodada da competição internacional. Os dois primeiros colocados de cada grupo garantem vaga na próxima fase.

Recomendadas