Rússia 2018: Em eliminação frente a França, Jorge Sampaoli destaca luta dos jogadores da Argentina

Finalista na Copa do Mundo de 2014 realizada no Brasil, a Argentina se despediu do Mundial da Rússia após a derrota por 4 a 3 para a França na fase oitavas de final

Rússia 2018: Em eliminação frente a França, Jorge Sampaoli destaca luta dos jogadores da Argentina
O técnico Jorge Sampaoli elogiou a entrega e dedicação dos argentinos na derrota para a França - Crédito: Divulgação / AFA.com.ar

Antônio Boaventura
Kazan, RUS, 30 de junho de 2018

O sonho da Argentina em conquistar o tricampeonato mundial foi interrompido neste sábado, 30. Isso por que os argentinos acabaram superados pela França por 4 a 3, em partida disputada na Arena Kazan, em Kazan (RUS), pela fase oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia. Contestado, o técnico Jorge Sampaoli, bicampeão da Copa América com a seleção do Chile, elogiou o empenho dos “Hermanos” naquela partida.

“[Os jogadores] lutaram até o final e quase empataram no final, e é isso que eu realmente valorizo. Eles trabalharam muito duro e eu quero dizer obrigado. Nós tentamos muitas táticas diferentes, o cercamos, criamos espaço para ele, então tentamos usar tudo o que tínhamos para permitir que ele fizesse o que ele pode fazer. Às vezes nós conseguimos, às vezes não”, explicou Jorge Sampaoli, técnico da Argentina.

Os gols da Argentina na partida contra os franceses foram marcados por Angel Dí Maria, Gabriel Mercado e Sérgio Kun Aguero. Para a França marcou Mbappé, em duas oportunidades, Antonie Griezmann e Pavard. Diante da fraca atuação dos argentinos no jogo, Sampaoli ressalta que o time pecou nas construções das jogadas e falhou no jogo coletivo, o que, segundo ele, prejudicou o futebol de Lionel Messi.

“Acho que não nos adaptamos à necessidade em vez de termos uma ideia clara do jogo. Tivemos uma necessidade clara e tivemos que vencer, esse foi o nosso principal objetivo. Isso foi talvez mais forte que o nosso conceito de futebol. Temos o melhor jogador do mundo, e tivemos que tentar criar situações coletivas para realmente usar aquele jogador que pode ter muitos momentos brilhantes”, concluiu.

Com a derrota por 4 a 3 para a França neste sábado, 30, na Arena Kazan, em Kazan (RUS), em duelo válido pela fase oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia, a Argentina se despediu do Mundial. Na primeira fase, os argentinos terminaram na 2ª colocação do grupo D da Copa do Mundo da Rússia com 4 pontos conquistados em 3 jogos realizados. O selecionado sul-americano marcou 6 gols e sofreu outros 9.

Recomendadas