Rússia 2018: Mesmo próximo da vaga, Hernandez e Lozano preferem adotar a cautela na seleção do México

Depois de vencer a Alemanha por 1 a 0 na estreia da Copa do Mundo, mexicanos venceram a Coréia do Sul por 2 a 1 e se aproximaram da classificação para a próxima fase

Rússia 2018: Mesmo próximo da vaga, Hernandez e Lozano preferem adotar a cautela na seleção do México
Javier Hernandez festeja com seus companheiros o gol marcado no duelo contra a Coréia do Sul - Crédito: Divulgação / femexfut.org.mx

Antônio Boaventura
Rostov-on-Don, RUS, 23 de junho de 2018

Após surpreender a Alemanha, atual campeã mundial, na rodada inaugural da Copa do Mundo da Rússia, o México entrou em campo na Arena Rostov, em Rostov-on-Don (RUS), como favorito para vencer a Coréia do Sul e consequentemente se aproximar da classificação para a fase oitavas de final. E com gols de Carlos Veras e Javier Hernandez os mexicanos venceram os sul-coreanos por 2 a 1. Chicharito e Hirving Lozano preferem adotar a cautela ao falar sobre a conquista de uma das vagas do grupo F para a fase seguinte.

Após o jogo, o atacante Hirving Lozano, autor do gol da vitória sobre a Alemanha, festejou o resultado diante da Coréia do Sul e elogiou o desempenho de Javier Hernandez naquela partida. “Jogamos uma boa partida e conseguimos o resultado que queríamos. Também estou muito feliz por Chicharito, que marcou o seu 50º gol internacional. Ele tem o trabalho mais difícil de todos nós e é uma grande recompensa”, disse Lozano.

O resultado manteve o México, do técnico colombiano Juan Carlos Osório, na liderança isolada do grupo F com 100% de aproveitamento dos pontos disputados. Para se manter nesta condição, o El Tri precisa de um empate simples na rodada derradeira da primeira fase diante da Suécia. Os classificados desta chave encaram na etapa seguinte os primeiros colocados do grupo E composto por Brasil, Suíça, Sérvia e Costa Rica.

Autor do segundo gol mexicano naquela partida, Javier Hernandes, conhecido como Chicharito enfatizou a importância da vitória para o México, porém, preferiu conter as comemorações. Ele ressalta que a seleção mexicana precisa de mais um ponto para se classificar. “Foi um grande resultado para o México, mas se não batermos a Suécia, isso não teria resultado. Ainda precisamos ir de partida para partida”, encerrou.

Na 1ª colocação do grupo F da Copa do Mundo da Rússia com 6 pontos conquistados em 2 jogos realizados, o México encara nesta quarta-feira, 27, ás 11h, no estádio Central, em Ecaterimburgo, na Rússia, a Suécia, 3ª colocada na chave com 3 pontos ganhos. A partida é válida pela 3ª rodada da competição internacional. Os dois primeiros colocados de cada grupo garantem vaga na próxima fase.

Recomendadas