Série A: João Ricardo destaca força do América-MG no Independência e mira duelo com o Botafogo

Com sete pontos e na 10ª colocação, o Coelho aposta no fator campo para seguir com 100% de aproveitamento em casa. Próximo desafio será o Botafogo, domingo, às 16 horas, quando a vitória poderá colocar a equipe na zona de Libertadores

Série A: João Ricardo destaca força do América-MG no Independência e mira duelo com o Botafogo
João Ricardo faz contas para vencer o Botafogo e o ultrapassar na tabela de classificação do BrasileiroCrédito: Mourão Panda / América-MG

Da Redação
Belo Horizonte, MG, 17 de maio de 2018

O fator casa vem fazendo a diferença para o América Mineiro nesta temporada. Até o momento foram 11 jogos no Independência, e o desempenho é bastante positivo. São oito vitórias e apenas três derrotas, aproveitamento de 72,72%. Além disso, foram 16 gols marcados e apenas 10 sofridos em casa, menos de um por jogo.

Na Série A do Campeonato Brasileiro, a equipe tem aproveitado ao máximo o mando de campo, tanto é que mantém os 100% de aproveitamento. Apenas América, Santos, Flamengo e Atlético Mineiro venceram todas em casa até aqui.

O goleiro João Ricardo, que perdeu apenas um jogo no Independência em 2018, valoriza a marca do time e ressalta a importância de manter o bom desempenho em casa.

“São números muito positivos. Dentro do nosso estádio estamos conseguindo manter ótima regularidade, que vem sendo fundamental para nós, principalmente neste começo de Campeonato Brasileiro. Ainda temos muito jogo pela frente, mas é fundamental que desde o início a gente imponha essa superioridade em casa. Quem vier jogar no Independência, tem que saber que vai ser difícil nos derrotar. Numa competição como a Série A, uma boa campanha em casa pode fazer toda a diferença´´, destacou o jogador, que disputa sua quinta temporada seguida pelo clube mineiro.

No próximo domingo (20/5), às 16 horas, o Coelho enfrenta o Botafogo, no Independência, para manter a invencibilidade e o bom desempenho em casa.

“É jogo duro, contra bom adversário e que está um ponto na nossa frente. Mais importante que manter nossa invencibilidade, é vencer para ultrapassar adversário direto na tabela de classificação. Temos que seguir com a mesma postura dos últimos jogos em casa e não dar chance ao Botafogo, que é equipe perigosa´´, finalizou.

Fonte: AV

 

Recomendadas