Ucrânia: Elogiado por Guardiola, Fred analisa bom momento do Shakhtar e quebra da invencibilidade do City

Equipe ucraniana venceu os ingleses, que tem em seu ataque o brasileiro Gabriel Jesus, por 2 a 1 e conquistou sua classificação para a próxima fase da Liga dos Campeões da Europa

Ucrânia: Elogiado por Guardiola, Fred analisa bom momento do Shakhtar e quebra da invencibilidade do City
O meia brasileiro Fred recebeu elogios do técnico Pep Guardiola após duelo de sua equipe pela Liga dos Campeões da Europa - Crédito: Divulgação

Da Redação
Donetsk, UKR, 08 de dezembro de 2017

No sorteio dos grupos da Liga dos Campeões, o Shakhtar Donetsk caiu no mesmo grupo de Manchester City e Napoli, com grande parte dos especialistas apostando que ingleses e italianos avançariam às oitavas de final, pelo belo momento de ambos na temporada. Mas a equipe ucraniana, recheada de brasileiros, entre eles o meia Fred, se agigantou, venceu suas três partidas em casa – e uma fora – e se classificou.

Após bela vitória e classificação na Champions League, meia admite que brasileiros se motivaram quando souberam que Tite estava no estádio. E chega à próxima fase credenciada, com elogios do próprio técnico dos Citizens, Pepe Guardiola. Aliás, a vitória de 2 a 1 do Shakhtar, na Ucrânia, derrubou uma invencibilidade de 22 jogos do Manchester City na temporada.

“E merecemos a vitória, pois jogamos o tempo inteiro em cima deles. O City vive grande momento, assim como o Gabriel (Jesus), e ganhar deles é muito difícil, ainda mais com a invencibilidade que carregavam. Mas conseguimos colocar a bola no chão e fomos inteligentes”, afirmou Fred.

O que fez Guardiola se render ao adversário após o jogo, dizendo que “o Shakhtar tem uma estrutura de jogo fantástica, já tinha feito uma partida excepcional aqui contra o Napoli e conta com ótimos jogadores, como Taison, Marlos e Fred”. E foi uma vitória maiúscula sob os olhares de Tite, técnico da seleção brasileira, que estava no estádio e viu tudo de perto.

“A fase do nosso time é excelente. Somos lideres do Campeonato Ucraniano e, agora, acabamos de nos classificar na Champions com uma vitória expressiva. Não poderia ter sido melhor. E o professor Tite ainda estava no estádio. Para nós, brasileiros, isso nos motivou ainda mais. Ele estava ali nos vendo e era importante fazer uma grande apresentação”, concluiu.

Recomendadas