BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Geuvânio é apresentado como novo reforço do Flamengo: “Ganharam meu coração”

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Rio de Janeiro, RJ, 21 de junho de 2017

Anunciado nesta quarta-feira, 21, o meia Geuvânio foi apresentado oficialmente como o mais novo reforço do Flamengo para a atual temporada. Com contrato de empréstimo firmado até o fim de 2018 junto ao Tianjin Quanjian, da China, o versátil atacante deu sequência às avaliações físicas em campo, orientado pelos profissionais do Centro de Excelência em Performance do Flamengo (CEP FLA).

Ao fim das atividades, Geuvânio concedeu sua primeira entrevista coletiva como atleta rubro-negro na Sala de Imprensa Victorino Chermont, no Ninho do Urubu, ao lado do presidente Eduardo Bandeira de Mello e do diretor de futebol Rodrigo Caetano, que forneceu detalhes sobre a contratação.

“Como já é sabido por todos, Geuvânio chega por empréstimo até o final do ano que vem. Fundamental nessa operação foi que houve o interesse do Flamengo, o desejo do atleta em estar aqui, e também a cessão temporária por parte do Tianjin. Com essas três partes acordadas, o jogador, hoje, é apresentado”, disse Caetano.

Ele também esclareceu a situação legal do atleta com relação à documentação necessária para fazer sua estreia. “Ele já está com o contrato registrado na CBF. Por conta de ter sido feito a partir de hoje, ele ainda não vai reunir condições legais de jogo para a partida de amanhã. Dependerá muito da Federação Chinesa com relação ao jogo de domingo”.

Em seguida, o camisa 23 rubro-negro falou sobre essa nova etapa de sua carreira, celebrando o interesse do clube em sua contratação. “Estou muito feliz. Sinceramente, não esperava que isso fosse acontecer, porque estava no Tianjin e não via a possibilidade de sair. No entanto, teve uma complicação no Campeonato Chinês que me impediu de jogar. Continuei treinando e surgiu o interesse”, comentou Geuvânio.

Após passar o último ano atuando no futebol chinês, o atleta falou sobre a decisão de retornar ao Brasil, além de esclarecer as motivações de sua ida para a Ásia. “No momento em que saí do Santos para ir para o Tianjin, eu estava começando no futebol. Tinha que dar um passo maior na minha carreira, na minha vida. Tinha que ajudar minha família, que é grande. Estava no tianjin, mas estava infeliz sem poder jogar. O Flamengo foi quem mostrou mais interesse, quem veio de verdade”, concluiu.

Na 11ª colocação do Campeonato Brasileiro da Série A com 11 pontos conquistados em 8 jogos realizados, o Flamengo recebe nesta quinta-feira, 22, ás 21h, no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro (RJ), a Chapecoense, 5° colocado na competição nacional com 13 pontos ganhos. A partida é válida pela 9ª rodada. Os seis primeiros colocados garantem vaga na próxima edição da Copa Libertadores.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_