BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série B: Rentería atribui sequência de resultados negativos do Bugre a quantidade de gols sofridos

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Pelotas, RS, 11 de agosto de 2017

Sem vencer há sete jogos no Campeonato Brasileiro da Série B, o Guarani foi derrotado na noite desta sexta-feira, 11, por 1 a 0 frente ao Brasil de Pelotas (RS), no estádio Bento de Freitas, em Pelotas (RS). Já o atacante colombiano Rentería acredita que o longo período sem vitórias do Bugre ocorre em função do elevado número de gols sofridos nos últimos jogos.

A última vitória bugrina na competição nacional aconteceu na 13ª rodada, quando o Alviverde campineiro bateu, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), o Goiás por 1 a 0. Nos últimos sete jogos, a equipe do técnico Vadão sofreu 11 gols, o que representa uma média de 1,6 gols sofridos por partida. Neste período foram dois empates e cinco derrotas.

O gol que deu a magra vitória aos gaúchos foi marcado pelo ex-atacante de Bragantino e Corinthians, Lincoln, aos 37 minutos da etapa final. O também atacante Mizael, ex-Ituano, fez jogada individual pelo lado esquerdo e tocou para o camisa nove, que dominou mau, mas na divida com o goleiro Leandro Santos contou com a sorte para balançar as redes bugrinas.

“O que está acontecendo é que estamos tomando muitos gols. Agora é levantar a cabeça. Nas últimas partidas andamos levando muitos gols. Mas, no sábado tem mais”, declarou o atacante colombiano Renteria, que fez sua segunda partida com a camisa do Guarani.

Na 8ª colocação do Campeonato Brasileiro da Série B com 28 pontos conquistados em 20 jogos realizados, o Guarani recebe no próximo sábado, 19, ás 16h30, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), o Santa Cruz, 16° colocado na competição nacional com 23 pontos ganhos. A partida é válida pela 21ª rodada. Os quatro primeiros colocados garantem vaga na próxima edição da Série A do Campeonato Brasileiro.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_