BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Julio Cesar agradece o carinho da torcida do Flamengo em último jogo como profissional

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Rio de Janeiro, RJ, 22 de abril de 2018

O último dia como profissional, o último jogo e também a última entrevista. Na vitória do Flamengo por 2 a 0 sobre o América-MG, o camisa 12 teve uma atuação de gala, saiu ovacionado pela Nação presente no Maracanã e na entrevista coletiva falou sobre o sentimento de estar pendurando as luvas.

“Foi bacana, já esperava essa situação da torcida. Realmente não consigo mensurar na minha cabeça o carinho que a torcida do Flamengo tem pelo Julio Cesar. É indescritível. Só tenho a agradecer a todos que estiveram presentes nesse dia. Gosto sempre de botar o Flamengo acima de tudo e todos. A ideia do jogo hoje era reencontrar a vitória que traz um ambiente leve e favorável para trabalhar”, explicou.

O goleiro fez questão de agradecer a todos que o ajudaram durante todos esses anos de carreira e afirmou que a ficha ainda não caiu. “A ficha não caiu ainda. Pode ser que daqui a um ou dois dias quando eu olhar para o céu e falar: “e aí, o que eu vou fazer?” caia”, disse o goleiro Júlio César.

“Tá muito recente ainda. Eu quero encontrar a minha família, dar um beijo na minha mãe que foi a minha inspiração e a pioneira para isso tudo acontecer na minha carreira. Não só ela, tem meu pai, parentes e todos que fizeram coisas boas por mim”.

Mesmo sendo o jogo de despedida, Julio Cesar fez questão de deixar clara a importância do Flamengo conquistar a sua primeira vitória no Brasileirão. “Independente de ser despedida ou não, tínhamos que encarar com a maior seriedade do mundo. Falei com meus companheiros antes da partida que seria normal e importante. O Flamengo precisava reencontrar o caminho da vitória. Falei com Réver que não queria ser o capitão”.

“O Rodinei disse que ia me abraçar se fizesse gol e eu disse: “nós que vamos te abraçar”. É um grande jogador e tem um talento enorme. O mais importante era a vitória. Foi um risco enorme para todos essa partida. Se o Flamengo perde iam dizer que era uma irresponsabilidade da diretoria, mas tudo correu como a gente imaginou e graças a Deus o Flamengo saiu com a vitória”, concluiu.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_