BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série B: Caio Rangel atribui empate do Juventude diante do Oeste a falta de tranquilidade dos gaúchos

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Antônio Boaventura
Caxias do Sul, RS, 20 de abril de 2018

Não foi dessa vez que a torcida do Juventude comemorou sua primeira vitória nesta edição do Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta sexta-feira, 20, o time gaúcho recebeu o Oeste, vice-campeão paulista da Série A2, e não passou de um empate em 1 a 1. Para o atacante Caio Rangel, faltou calma para o Jú no duelo.

Mas, foram os donos da casa que abriram o marcador no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), em um lance de bola parada. Falta cobrada pelo lado direito de ataque, o lateral-esquerdo Suéliton tentou desviar para escanteio e acabou marcando contra. Entretanto, nos quinze minutos finais, o atacante Bruno Lopes tratou de igualar o placar para os visitantes.

Apesar da atuação abaixo daquela apresentada durante os primeiros 45 minutos, o atacante Caio Rangel afirmou que o resultado foi fruto da falta de tranquilidade da equipe Alviverde. Segundo o camisa sete do Juventude, o time poderia ter construído certa vantagem nos minutos iniciais e ter uma outra postura na etapa final.

“A gente fez até um jogo bom. O professor (Julinho Camargo) nos colocou uma proposta e conseguimos chegar, mas faltou calma para fazer o gol e segurar a bola e não tomar o gol”, concluiu o atacante Caio Rangel.

Na 16ª colocação do Campeonato Brasileiro da Série B com apenas 1 ponto conquistado em 2 jogos realizados, o Juventude recebe neste sábado, 28, ás 16h30, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), o Avaí, 15° colocado na competição nacional com 1 ponto ganho. A partida é válida pela 3ª rodada. Os quatro primeiros colocados garantem vaga na próxima edição da Série A do Campeonato Brasileiro.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_