BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Atibaia é o campeão paulista da Série A3 (Terceira Divisão)

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

DA REDAÇÃO
Bragança Paulista, SP, 28 de abril de 2018

O Atibaia, comandado pelo técnico Betão Alcântara, é o campeão paulista da Série A3 (Terceira Divisão) do Campeonato Paulista. Neste sábado (28/4), no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, em jogo único, o Falcão venceu a Portuguesa Santista por 2 a 1, faturou o caneco, embolsou a quantia de R$ 110 mil pela conquista, e deu a volta olímpica ao lado da sua torcida.

A Portuguesa Santista, do técnico Sérgio Guedes, assim como o Atibaia também garantiu o acesso à Série A2 (Segunda Divisão) do Campeonato Paulista. E ficou com a premiação de R$ 77 mil. As duas equipes devem disputar a Copa Paulista, no segundo semestre de 2018.

O primeiro tempo, debaixo de muito sol, foi extremamente equilibrado. O Atibaia, mesmo jogando pelo empate para ser o campeão, apostou no seu tradicional esquema ofensivo, com os atacantes Dudu e Mascote abertos pelos lados, com Tavares mais centralizado. Já a Portuguesa manteve Anderson Magrão dentro da área, com os meias Dudu, Diego Palhinha e Laionel se movimentano e tentando as tabelas.

As chances de gol foram poucas na etapa inicial. A marcação forte prevaleceu e as maiores oportunidades foram de fora da área, com Mascote, pelo lado do Atibaia, e Carlos Alberto, com chutes venenosos pela Portuguesa Santista. Mas os goleiros Cairo e Cleyton, no geral, tiveram tranquilidade.

Porém, nos acréscimos, em falta forte do zagueiro Gustavo Henrique, da Portuguesa Santista,que recebeu cartão amarelo, o Atibaia abriu o placar. Aos 48 minutos, após cobrança na área, o zagueiro Danilo cabeceou e o artilheiro Mascote resvalou da bola e a mandou para o fundo da rede: 1 a 0.

SEGUNDO TEMPO

Com Léo Felipe na vaga de Rômulo, a Portuguesa Santista veio para etapa final pressionando o Atibaia. E chegou ao empate logo aos 10 minutos. Emerson Guioto deu passe espetacular para Diego Palhinha, que driblou o goleiro Cairo e marcou: 1 a 1.

O empate ainda dava o título ao Atibaia. Mas as duas equipes começaram a fazer substituições para mudar o esquema de jogo. Com Rodriguinho e Léo Gonçalves em campo, a Portuguesa Santista cresceu no poder de finalizações. Com Jackson, Filipe e Giovane, o Atibaia ganhou em velocidade.

As duas equipes ficaram ofensivas. As chances de gol foram sendo criadas dos dois lados. E o jogo ganhou em movimentação, criatividade e velocidade. Quando o empate era o resultadom praticamente consolidado, a Portuguesa Santista tentou a última investida no ataque. Mas, aos 50 minutos, em arrancada para o contragolpe, o Atibaia, dentro das suas características, com velocidade e troca de passes, fez 2 a 1, com Jackson. E festejou o título!

 

Atibaia 2 x 1 Portuguesa Santista

Final Série A3 – Jogo único

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista
Árbitro: Vinicius Furlan
Assistentes: Daniel Luís Marques e Gustavo Rodrigues Oliveira
Cartões amarelo: Gladson, Cairo e Cortez (Atibaia) e Diogo Lopes e Gustavo Henrique (Portuguesa Santista)
Gol: Mascote, aos 48 minutos do primeiro tempo. Diego Palhinha, aos 10; e Jackson, aos 50 minutos do segundo tempo

Atibaia
Cairo; nando, Júnior, Danilo e Cortez; Gladson, Rogério Maranhão e Danilo Pereira (Jackson); Mascote (Filipe), Tavares e Dudu (Filipe)
Técnico: Betão Alcântara

Portuguesa Santista
Cleyton; Rafael Ferro, Dema, Gustavo Henrique e Rômulo (Léo Felipe); Diogo Lopes, Emerson Guioto, Diego Palhinha (Rodriguinho) e Carlos Alberto (Léo Gonçalves) e Laionel; Anderson Magrão
Técnico: Sérgio Guedes

 

ARTILHARIA DA SÉRIE 3

15 GOLS

Bill (Capivariano)

10 GOLS

Gabriel Barcos (Barretos)

9 GOLS

Danrley (Grêmio Osasco)

8 GOLS

Mascote (Atibaia) e Caio (Taboão da Serra)

7 GOLS

Tavares (Atibaia), Max Pardalzinho (Olímpia), Carlos Alberto (Portuguesa Santista) e Maranhão (São Carlos)

6 GOLS

Jackson (Atibaia), Lucas Lima (Manthiqueira), Thiago Santos (Marília), Robinho (Mogi Mirim) e Édipo (Rio Preto)

5 GOLS

Douglas e Edson Pio (Desportivo Brasil), Du Gaia (Marília), Jorge Mauá e Leandro Oliveira (Noroeste), Gustavo Henrique (São Carlos), Diego Souza (Taboão) e Jean Natal (União Barbarense)

4 GOLS

Paraíba e Danilo Pereira (Atibaia), Zezinho (Barretos), Bruno Sabiá e Welder (Capivariano), Bruno Gaúcho (EC São Bernardo), Jonathan (Monte Azul), Rafael Ferro e Léo Gonçalves (Portuguesa Santista), Ítalo (Rio Branco), Marcelinho (Taboão da Serra) e Higor Meritão (Velo Clube)

3 GOLS

Mineiro (Atibaia), André Luiz, Hugo e João Henrique (Barretos), Pedro, Gutiérrez e Matheus (Capivariano), Marlon, Willian, Diego Landis e Erik Mendes (Desportivo Brasil), Lucas Gomes (EC São Bernardo), Pedrinho (Manthiqueira), Alisson (Marília), Cléber e Rafael (Matonense), Americano e Diogo (Mogi Mirim), Lucas Cezane e Juca (Monte Azul), Marcelinho e Gabriel Esteves (Noroeste), Bruno Leal, Tauan, Roger Goiano e Felipe Fumaça (Olímpia), Anderson Magrão e Dema (Portuguesa Santista), Alemão (Rio Branco), Léo Ribeiro (Rio Preto), Geovane (São Carlos), Cecel (Taboão), Igor (União Barbarense) e Chuck, Ruster e Luiz Henrique (Velo Clube)

2 GOLS

Dudu, Júnior e Samuel (Atibaia), Batata (Barretos), Alexandre, Vini e Prachedes (Capivariano), Renato, Thiaguinho e Thalis (Desportivo Brasil), Alan Bahia (EC São Bernardo), Marcos Vinícius e Elton (Grêmio Osasco), Paulinho (Marília), Pedro e Ayrton (Matonense), Ronaldo (Mogi Mirim), Anderson Brito, Gustavo Henrique e Conrado (Monte Azul), Igor Pimenta, Gindre, Wellington, Jean Pierre e Alef (Noroeste), Buiu (Olímpia), Diego Palhinha, Renan Morales, Emerson, Rômulo e Fabrício Tozi (Portuguesa Santista), Frank e Hugo (Rio Branco), Jonatas Obina, Jô, Jefferson Paulista e Maycon (Rio Preto), Testoni, Marcus Vinicius, Wallace e Marcelinho (São Carlos), Wilker (União Barbarense), Rodney, Alisson Costa e Lucas Oliveira (Velo Clube)

1 GOL

Willian e Giovane (Atibaia), Alex Flávio, Nathan, Boca, Guilherme, Alex Barros e Fernando (Barretos), Ademir, Bruno Luka, Diniz, Gabriel, Marques, Rambo e Erick Mamadeira (Capivariano), Gueguel, Hélio, Oscar, Ingro, Glauco, Léo Prado, Vitor Rossini e Meneghel (Desportivo Brasil), Bruno Santos, Denis, Bessa, Alan Lopes, Marcos Nunes, Tauã, Andrezão e Nelsinho (EC São Bernardo), Gabriel Martins, Vit, Igor, Brumati e Rubens (Grêmio Osasco), Paulo, Nicolas e Victor Clemente (Manthiqueira), Jonathan, Romarinho, Jefferson, Galego e Adilson (Marília), Lucas, Miquéias, Wellington Japa, Matheus Gomes, Rodrigo e Wallace (Matonense), Osmar, Marcelo, Rafinha, Thawan e Romarinho (Mogi Mirim), Diego, Pedrinho, Hayllan e Bruno Ceará (Monte Azul), Jean Pierre, Vilson e Ricardinho (Noroeste), Lauri, Diego, Robinson, Geovane, Malcon, Léo Mineiro, André Bahia e Léo Porto (Olímpia), Rodriguinho, Diogo Lopes, Kauê, Gustavo Henrique e Wendel (Portuguesa Santista), Gaúcho, Rafael Sena, Adriano Pimenta, Pablo, Juliano, Duduzinho, Bernardi e Mima (Rio Branco), Emerson, Henrique, Jean Batista e João Feres (Rio Preto), Zé Henrique, Danilo e Carlão (São Carlos), Fernando, Douglas, Kaká, Edson, André Luís, Rodrigo e Somália (Taboão), Rafael Magalhães (União Barbarense) e Makanaki, Ray, Marquinhos, Rafael Guedes, Glauber e Danilo Pereira (Velo Clube)

GOLS CONTRA

Diego Landis (Desportivo Brasil, para o Barretos), Dema (Portuguesa Santista, para o São Carlos), Éder (Barretos, para Portuguesa Santista), William (Desportivo Brasil, para a Portuguesa Santista), Alan Douglas (Matonense, para o Atibaia), Rufino (São Carlos, para a Matonense), Lucas Oliveira (Velo Clube, para União Barbarense), Gledson (Atibaia, para Portuguesa Santista) e Diego Souza (Taboão da Serra, para Rio Preto)

 

 

Blog Futebol Caipira (Luiz Ademar)

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_