BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Gilson avisa que o segredo do Botafogo é lutar até o último minuto

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Rio de Janeiro, RJ, 29 de abril de 2018

A primeira vez a gente nunca esquece! E, principalmente, se a primeira vitória no Campeonato Brasileiro de 2018 for conquistada com um gol salvador, aos 46 minutos do segundo tempo, levando o Botafogo a derrotar o Grêmio por 2 a 1, no sábado (28/4), no estádio Nílton Santos, no Rio de Janeiro, pela terceira rodada da competição. E o felizardo da partida foi o lateral esquerdo Gilson, que está em grande fase e brilhando nos últimos jogos.

A partida estava empata por 1 a 1, quando nos acréscimos do segundo tempo, a bola foi recuada para Gilson, que estava fora da área, distante do gol do Grêmio. Mesmo assim, o lateral resolveu arriscar, com categoria, batendo de chapa na bola, e a mandando no ângulo do goleiro Paulo Victor para fazer 2 a 1.

“Foi o gol mais bonito da minha carreira! Fiquei muito feliz com a maneira que peguei na bola. Não foi um chute forte, foi colocado, mas com muito efeito´´, festejou Gilson.

A vitória do Botafogo, com o golaço de Gilson, ainda coroou uma marca especial na história do clube. Foi o gol de número 500 dentro do estádio Nílton Santos.

“Estou muito orgulhoso com essa marca. Ficarei marcado na história do clube, ainda mais com um gol tão bonito, com a vitória suada e merecida do Botafogo´´, vibrou o lateral.

Gilson sabe que a primeira vitória do Botafogo no Campeonato Brasileiro precisa mesmo ser muito comemorada. A equipe comandada pelo técnico Alberto Valentim não é considerada pelos especialistas como uma das favoritas ao título. Porém, assim como fez na temporada passada, a meta é sem manter sempre no G6, no grupo dos classificados para a Libertadores, e jogar uma decisão a cada rodada.

“O segredo do Botafogo é lutar até o último minuto de todas as partidas. Já foi assim no Campeonato Carioca e continuará sendo no Brasileiro. Fomos superiores ao Grêmio a partida inteira e o empate não seria justo. Tivemos paciência, lutamos e não nos acomodamos em campo. E acabei sendo premiado com o gol da vitória´´, lembrou.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_