BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Sul-Americana: Em sua estreia, Jean valoriza classificação do Botafogo (RJ) diante do chileno Audax Italiano

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Rio de Janeiro, RJ, 09 de maio de 2018

A classificação na Copa Sul-Americana veio com o empate em 1 a 1 diante do Audax Italiano, no Estádio Nilton Santos. A partida foi especial para o volante Jean, que pôde estrear pelo Alvinegro. Feliz no Botafogo, o jogador de 23 anos destacou o bom ambiente no Botafogo e o comprometimento de todos pelos objetivos alcançados recentemente. Matheus Fernandes marcou para o Fogão, enquanto Cabrera deixou tudo igual.

“Vivi mais coisas boas desde que cheguei e estamos vindo de bons resultados tirando o jogo do Cruzeiro. Dificilmente um clube vai ter um início como tivemos, contra grandes adversários. O Botafogo tem um padrão definido e que vai crescer a cada jogo. Pecamos ontem por excesso de generosidade. Conseguimos muito bem filtrar o que vem da torcida, até por sabermos que eles também querem o resultado positivo”, explicou o volante Jean.

O jogador também falou sobre o período de um mês de trabalho no Glorioso. Apesar do pouco tempo de casa, Jean elogiou o ambiente de trabalho e projeta deixar seu nome marcado no clube. “Sabemos que temos coisas a melhorar e por mais que esse jogo não tenha sido o que estamos acostumados a fazer, conseguimos a classificação”, explicou o ex-jogador do Paraná Clube, Corinthians e Vasco.

“Estou muito feliz, em paz e me admirei bastante ao chegar no Botafogo e ter a tranquilidade para trabalhar sendo titular ou não. Ainda tenho 23 anos e sei que muitos podem agregar na minha carreira. Em um mês aqui acredito que já cresci bastante como profissional. Meu objetivo maior é sair daqui conquistando coisas”, disse Jean.

Já o técnico Alberto Valentim optou por elogiar o desempenho da equipe no empate diante dos chilenos. “O Kieza tentou jogar e ajudar o companheiro, mas independente de ser camisa nove, ali, tinha uma boa chance de fazer o gol. Mas, ele optou pelo companheiro. O Matheus vem crescendo e ajudando o nosso time. Ele tem força, tem qualidade pra sair, mas precisa melhor muito e ele sabe disso. Quero parabenizar pelo primeiro gol, que acho que o pai dele já vinha cobrando”, concluiu.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_