BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série B: Rogério Ceni credita o sucesso e liderança do Fortaleza ao desempenho dos jogadores

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Fortaleza, CE, 19 de maio de 2018


O Fortaleza, de Rogério Ceni, terminou a quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B na liderança, e  já encerrou sua participação na sexta rodada mantendo a primeira colocação. E graças a grande vitória do Tricolor cearense por 3 a 1 diante do Figueirense, em pleno estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, na sexta-feira à noite. E o time da casa saiu na frente do marcados, logo no início do primeiro tempo, gol de Gustavo Ferrareis. A viradada veio ainda nos 45 minutos iniciais, com Bruno Melo e Edinho, com o artilheiro Gustavo ampliando na etapa final.

Animado com o comportamento do Fortaleza, tanto dentro como fora de casa, o técnico Rogério encheu a bola dos jogadores. Para ele, não adianta trabalhar muito, treinar situações específicas, se dentro de campo quem joga bola não desempenha com correção. E, para ele, seu grupo está todo de parabéns.

“Não adiante você propor o jogo, definir um estilo, se o jogador não tem capacidade para executar. Eu colhi vitórias e glórias quando eu jogava, e hoje continua achando que o mérito é sempre de quem joga, do atleta. Você pode treinar qualquer sistema de jogo, se o jogador não tiver vontade de cumprir funções não vai adiantar. O trabalho não virá. E esse é o mérito do Fortaleza´´, elogiou Rogério Ceni, enchendo a bola dos seus comandados.

Em relação ao expressivo resultado fora de casa, Rogério Ceni fez questão de enaltecer a qualidade do Figueirense, comandado pelo amigo Milton Cruz. Para o treinador do Fortaleza, pode até não parecer, mas a partida foi muito difícil.

“Foi um duelo bacana. O Figueirense lutou. No finalzinho sim, após o terceiro gol do Fortaleza, a gente pode administrar mais o jogo. Eles também desanimaram um pouco e a marcação, que era pressão, foi cedendo um pouco. O jogo foi muito disputado´´, analisou o treinador do Tricolor cearense.

O JOGO

Debaixo de muita chuva, o primeiro tempo começou com o Fortaleza criando boas chances de gol. No primeiro ataque do Figueirense, no entanto, o gol. Gustavo Ferrareis finalizou no ângulo de Boeck, aos sete minutos.

A desvantagem no placar não assustou o Tricolor, que foi em busca da reação. Aos 10, na cobrança de escanteio do Leão, bola disputada na área, Edinho tenta levar mas não consegue, sobra para Bruno Melo, que manda para o gol, 1 a 1.

A virada vem aos 17, quando Edinho bateu Dênis em chute de longa distância. O Figueirense chegou a levar perigo ao gol leonino, mas foi o Fortaleza quem mais finalizou contra à meta adversária.

A segunda etapa começou diferente. O Figueirense adiantou a marcação e passou a pressionar o Fortaleza. A equipe da casa criou boas chances de gol, mas foi o Tricolor quem ampliou. Aos 28 minutos, Leonan chegou à linha de fundo, cruzou para trás. Dodô chutou, Dênis espalmou e Gustavo fez seu 20° gol no ano.

O Tricolor de Aço volta a campo já na próxima terça-feira, 22, na Arena Castelão. A equipe enfrenta o Criciúma, às 21h30.


Fonte: assessoria de imprensa do Fortaleza

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_