BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Copa Paulista: Ituano entra na competição com o objetivo de preparar elenco para o Paulistão 2019

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Itu, SP, 23 de maio de 2018

O Ituano já conhece a sua chave na Copa Paulista 2018. O Galo de Itu está no grupo 4, com Portuguesa, Juventus, Nacional, Audax, Taboão da Serra e Atibaia. Embora se classifiquem quatro clubes para a segunda fase, o técnico Vinicius Bergantin entende que está tudo muito equilibrado.

“Claro que do Campeonato Paulista até agora, a maioria dos clubes mudaram seus elencos. Mas temos clubes tradicionais como a Portuguesa, Nacional e Juventus. Tem o Audax, que trabalha bem sua base. O Taboão com um campo de grama sintética é complicado de jogar lá. E o Atibaia que foi campeão da Série A3 (Terceira Divisão) e promete fazer boa campanha. Temos que encarar com seriedade porque não é um grupo fácil´´, analisou Bergantin.

A Copa Paulista vai começar no dia 5 de agosto, com 27 clubes distribuídos em quatro grupos. Na primeira fase os jogos acontecem em turno e returno. Os quatro primeiros de cada grupo se classificam para a segunda fase e serão distribuídos em quatro novos grupos de quatro. E se classificam os dois primeiros de cada chave para as quartas de Final. Semifinais e finais serão disputadas em 25 de novembro e 2 de dezembro. O campeão escolhe uma vaga entre a Série D do Brasileiro ou Copa do Brasil de 2019. O vice fica com a vaga restante.

O Ituano já está classificado para o Brasileiro da Série D, por isso entra na competição com outro pensamento.

“O principal objetivo é o laboratório, como fizemos em 2013. Queremos preparar uma base para o Campeonato Paulista do ano que vem. Vamos usar um grupo do Sub 20 e outros que já estouraram a idade. Queremos dar rodagem para eles, observando numa competição profissional. O elenco também será formado por atletas de boa qualidade, que por um motivo não esteja jogando, ou voltando de lesão e podem acrescentar muito. Temos bons exemplos do elenco formado em 2013´´, lembrou o gestor Juninho Paulista.

Naquele ano, sob o comando do técnico Doriva, o elenco de 22 atletas que disputou a Copa Paulista tinha seis atletas que vinham do Sub 20. Destes, o zagueiro Leo, o atacante Marcão e o meia Clayson foram campeões paulista no ano seguinte. Do time titular que disputou a Copa Paulista estavam o goleiro Vagner, lateral direito Alex, zagueiros Airton e Anderson Salles, lateral Esquerdinha, volante Paulinho, meia Clayson e os atacantes Marcão e Rafael Silva. Todos foram campeões em 2014.

A Copa Paulista é disputada continuamente desde 2001, com algumas mudanças de nome. Já foi chamada de Copa Federação. A ideia da competição surgiu a partir de 1992, quando foi disputada a Copa 100 Anos em homenagem ao Centenário do Campeonato Paulista.

Em 1994, durante a Copa do Mundo, foi disputada a Copa Bandeirantes. O objetivo foi manter em atividade os clubes durante o recesso do futebol. Desde 2001 o objetivo é manter em atividades os clubes que não estão disputando alguma divisão do Campeonato Brasileiro. A partir daí a Federação Paulista destinou uma vaga para a Copa do Brasil e uma outra vaga para a Série D. Antes era para a Série C.

Em 21 competições desde a Copa 100 Anos, 17 clubes já conquistaram o título. Inclusive, o Corinthians em 1994, e o Santos em 2004. O Ituano foi campeão em 2002, quando foi denominada Copa Mauro Ramos (capitão do Bi Mundial em 1962). E ainda chegou a outras três finais. Em 1999, 2003 e, recentemente, em 2015.

 

 

Fonte: assessoria de imprensa do Ituano

 

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_