BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Copa do Mundo: Árbitro mexicano erra em dose dupla, VAR se omite e Brasil empata com a Suíça

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Rostov, RUS, 17 de junho de 2018

 

Não foi a estreia que o torcedor brasileiro esperava. Depois de mandar no primeiro tempo, quando abriu 1 a 0, a Seleção Brasileira se perdeu na etapa final, jogou mal e ficou no empate por 1 a 1 diante da Suíça, neste domingo (17/6), na Arena Rostov, pelo Grupo E da Copa do Mundo. Apesar de ficar devendo futebol, em especial Neymar, o time comandado pelo técnico Tite tem todo o direito de reclamar da arbitragem do mexicano Cesar Ramos. Ele validou o gol de Zuber, que nitidamente empurrou o zagueiro Miranda, e sequer consultou o VAR, apesar das reclamações dos brasileiro. E fez o mesmo em pênalti claro em cima de Gabriel Jesus.

No outro jogo do Grupo E, também disputado neste domingo, a Sérvia venceu a Costa Rica por 1 a 0. Kolarov, em linda cobrança de falta, fez o gol.

Como todo mundo já esperava, a Suíça jogo bem fechada na defesa, com o Brasil tendo posse de bola, mas encontrando dificuldade para entrar na área. Porém, no primeiro cruzamento perigoso, feito por Neymar, Paulinho errou o chute, mas a bola não entrou porque o goleiro Sommer a mandou para escanteio. E o juiz deu tiro de meta.

Melhor em campo, o Brasil abriu o placar aos 20 minutos. Philippe Coutinho, de fora da área, bem ao seu estilo, bateu com estilo na bola e a mandou no ângulo de Sommer. Golaço! 1 a 0.

O problema é que mesmo em vantagem no placar, com mais posse de bola, o Brasil seguiu dependendo muito de Neymar, que estava apagado. Deixou Gabriel Jesus muito isolado, não atacou muito com os laterais e o jogo continuou morno. Tanto que a maior chance para ampliar o placar aconteceu somente aos 47 minutos, após cobrança de escanteio, que o zagueiro Thiago Silva cabeceou para fora.

Na etapa final, a Suíça empatou logo aos cinco minutos. Em cobrança de escanteio, onde seis jogadres estavam entre o meia Zuber e o goleiro Alisson se manteve o tempo todo dentro do gol, o suíço descaradamente empurrou Miranda, que estava na bola, e tocou de cabeça para empatar a partida. Os brasileiros reclamaram, mostraram o telão para o árbitro ver a irregularidade, mas o mexicano fingiu que o VAR, o árbitro de vídeo, não existia.

Desesperada e desorganizada, o Brasil seguiu com posse de bola. Mas passou a ter ainda mais dificuldade para furar o bloqueio defensivo da Suíça. Após Casemiro receber cartão amarelo, Tite colocou Fernandinho em seu lugar.

Aos 25 minutos, após Neymar lançar Coutinho, ele ajeitou com categoria a bola no peito e finalizou torto, sem pegar como gostaria na bola, qque foi para fora. Depois, aos 29 minutos, Gabriel Jesus foi lançado na área e quando tentou finalizar foi agarrado por um zagueiro. Pênalti claro, que o árbitro outra vez não quis utilizar o VAR.

Já com Renato Augusto na vaga de Paulinho e Firmino no lugar de Gabriel Jesus, o Brasil continuou chegando com perigo. Mas finalizando mal. Aos 43 minutos, Neymar, de cabeça, exigou defesa de Sommer. Aos 45, Neymar cobrou falta e Fernandinho perdeu o gol de cabeça.

Na segunda rodada do Grupo E, o Brasil terá pela frente a Costa Rica, sexta-feira (22), em São Petersburgo, às 9 horas (de Brasília). Já a Suíça encara a Sérvia, no mesmo dia, às 15 horas, em Kaliningrado.

FICHA DO JOGO

BRASIL 1 X 1 SUÍÇA

Estádio: Arena Rostov
Árbitro: Cesar Ramos (México)
Gol: Philippe Coutinho, aos 20 minutos do primeiro tempo. Zuber, aos cinco minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Casemiro (Brasil) e Lichtsteiner, Schär e Behrami (Suíça).

BRASIL
Alisson; Danilo, Miranda, Thiago Silva e Marcelo; Casemiro (Fernandinho) e Paulinho (Renato Augusto); Willian, Philippe Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus (Firmino)
Técnico: Tite.

SUÍÇA
Sommer; Lichtsteiner (Lang), Schär, Akanji e Rodríguez; Behrami (Zakaria) e Xhaka; Shaqiri, Dzemaili e Zuber; Seferovic (Embolo)
Técnico: Vladimir Petkovic

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_