BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Rússia 2018: Croácia joga muita bola, tira proveito da falha de Caballero, goleia e deixa Argentina no sufoco

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Nizhny Novgoro, RUS, 21 de junho de 2018

A Argentina está em situação extremamente delicada na primeira fase da Copa do Mundo da Rússia. Depois do empate por 1 a 1 com a modesta Islândia, a seleção argentina foi goleada pela classificada Croácia por 3 a 0, nesta quinta-feira (21/6), em Nizhny Novgoro, pelo Grupo D. Os gols foram marcados no segundo tempo por Rebic, Modric e Rakitic. Enquanto os croatas, que jogaram muita bola, poderiam ganhar por mais gols e saíram festejando a presença nas oitavas de final após duas vitórias, os cabisbaixos argentinos começam a fazer contas.

Nesta sexta-feira, Nigéria e Islândia se enfrentam. Mas nenhum resultado elimina a Argentina. Na última rodada, além de obrigatoriamente a seleção argentina precisar golear a Nigéria, ainda terá de torcer pela Croácia diante da Islândia. Que sufoco!

O primeiro tempo foi franco, com as duas se lançando ao ataque. Claro, com Messi sempre marcado de perto por dois croatas. Logo aos quatro minutos, Perisic entrou na área e bateu cruzado. O goleiro Caballero fez grande defesa e evitou o gol da Croácia.

Sem conseguir finalizar, a Argentina tentou criar pelos lados do campo. Aos 21 minutos, Acuña tentou cruzamento, mas a bola pegou efeito e tocou o travessão. Já aos 29, Enzo Perez perdeu gol inacreditável, com o goleiro Subasic fora do gol. Ele conseguiu mandar a bola para fora.

Aos 31 minutos foi a vez da Croácia perder gol incrível. Após cruzamento de Modric, o atacante Mandzukic, de peixinho, testou a bola para fora.

Na etapa final, o jogo continuou aberto. Aos seis minutos, Aguerro bateu forte e Subasic defendeu. E, no contra-ataque, a Croácia abriu o placar. E por uma engrossada do goleiro Caballero, que com a bola recuada, tentou mostrar a habilidade que não tem ao dar um toque sutil para reiniciar a jogada. Porém, ele errou, bateu de rosca na bola, que sobrou livre para Rebic, que bateu de primeira e fez um golaço: 1 a 0.

Já com Higuaín na vaga de Aguero, a Argentina quase empatou em chute de Perez, que Subasic defendeu, aos 18. O jogo seguiu aberto e, aos 20, foi a vez de Mandzukic mandar a bola na rede, mas pelo lado de fora.

Na base do tudo ou nada, o técnico Jorge Sampaoli mandou a campo Pavón e Dybala nas vagas de Salvio e Enzo Perez. E a Argentina se lançou com tudo ao ataque. Mas quem ampliou foi Modric. Aos 35 minutos, o croata chamou a zaga para dançar e, em lindo chute de fora da área, marcou um golaço: 2 a 0.

Melhor em campo e com a Argentina perdida, aos 40 minutos, a trave impediu o terceiro gol croata. Em bela cobrança de falta, Rakitic quase ampliou. Porém, aos 45, deitando e rolando em campo, a Croácia liquidou a fatura com Rakitic: 3 a 0.

FICHA TÉCNICA

ARGENTINA 0 X 3 CROÁCIA

Local: Arena Nizhny Novgoro
Árbitro: Ravshan Irmatov (Uzbequistão)
Cartões amarelos: Mercado, Acuña e Otamendi (Argentina) e Brozovic, Vrsaljko, Rebic e Mandzukic (Croácia)
Público: 43.319 presentes
Gols: Rebic, aos sete; Modric, aos 35; e Rakitic, aos 45 minutos do segundo tempo

ARGENTINA
Caballero, Mercado, Otamendi e Tagliafico; Salvio  (Pavón), Mascherano, Enzo Perez (Dybala) e Acuña; Meza, Messi e Aguero (Higuaín)
Técnico: Jorge Sampaoli

CROÁCIA
Subasic; Vrsaljko, Lovren, Vida e Strinic; Rakitic, Brozovic, Rebic (Kramaric) e Modric; Perisic (Kovacic) e Mandzukic (Corluka)
Técnico: Zlatko Dalic

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_