BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Rússia 2018: Essam Elhadary pede desculpas aos egípcios por campanha na Copa do Mundo

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Volgogrado, RUS, 25 de junho de 2018

Egito e Arábia Saudita entraram em campo apenas para cumprir tabela pelo grupo A da Copa do Mundo da Rússia em função da eliminação precoce de ambas as seleções nas rodadas iniciais do Mundial. Contudo, o goleiro Essam Elhadary conseguiu com sua marca ofuscar o talento do atacante Mohamed Salah, atacante do Liverpool (ENG). Com 45 anos, ele se tornou o jogador mais velho a disputar uma partida de Copa do Mundo e pediu desculpas aos egípcios pela campanha da seleção na competição.

“Peço desculpas ao povo egípcio em meu nome e pelos meus colegas depois das três derrotas. Tentamos e não tivemos sorte – isso é futebol. Tenho orgulho do que conquistei e essa conquista é digna do Egito.Eu fiz isso com a ajuda de todos os nossos jogadores”, declarou o goleiro Essam Elhadary, que defendeu uma cobrança de pênalti na derrota para a Arábia Saudita por 2 a 1.

O recorde anterior pertencia ao também goleiro Faryd Mondragon, que defendeu a seleção da Colômbia na partida contra o Japão na Copa do Mundo do Brasil em 2014. Antes do Mundial, Essam defendeu a seleção do Egito na disputa da Copa das Confederações de 2009 realizada na África do Sul. Os gols da partida de Volgogrado foram anotados por Mohamed Salah para o Egito, enquanto Salman e Salem marcaram para os sauditas.

“Fui o goleiro do Faraó há anos, inclusive durante as eliminatórias para a Copa do Mundo. Nossos esforços deram frutos e voltamos ao cenário mundial depois de de 28 anos. Esse feito agora foi coroado por quebrar meu recorde mundial. O que eu realizei neste torneio foi o resultado de anos de trabalho duro, treinamento dedicado e sofrimento que poucos conhecem. Esta é uma grande conquista para o Egito mais do que para mim pessoalmente. É uma conquista para todos os egípcios”, encerrou.

Depois de perder por 2 a 1 para a Arábia Saudita nesta segunda-feira, 25, na Arena Volgogrado, em Volgogrado (RUS), o Egito encerrou sua participação nesta edição da Copa do Mundo, que está sendo realizada na Rússia, na 4ª colocação do grupo A com nenhum ponto conquistado. O selecionado africano marcou dois gols na competição, todos marcados pelo atacante Mohamed Salah, e sofreu outros seis gols.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_