BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Rússia 2018: Alemanha está eliminada! Brasil encara México, e Suécia enfrenta Suíça nas oitavas

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação!
Moscou, RUS, 27 de junho de 2018

Deu zebra na Copa do Mundo de 2018, na Rússia! A poderosa Alemanha, uma das favoritas ao título, e atual campeã, está eliminada logo na primeira fase. E o pior de tudo! Foi a última colocada do Grupo F, com duas derrotas e apenas uma vitória. Foram apenas dois gols marcados e quatro sofridos. Verdadeiro vexame mundial!

O que é mais humilhante é que na outra partida do Grupo F, em Ecaterimburgo, com gols de Augustinsson, Glanquist e Alvárez, contra, a Suécia goleou o México por 3 a 0, garantiu classificação para as oitavas de final, e deixou que os até então embalados mexicanos ficassem na rua da amargura com a possibilidade de serem eliminados, em caso de vitória, por qualquer placar, da Alemanha em cima da frágil Coreia do Sul.

Porém, o inacreditável aconteceu em Kazan. Exibindo futebol coletivo horroroso, sem o talento individual conseguir brilhar em momento algum da partida, a Alemanha conseguiu a façanha de perder por 2 a 0 para a eliminada Coreia do Sul. Depois de abusar da ruindade no primeiro tempo, a seleção alemã voltou para a etapa final sabendo da vitória da Suécia e bastava marcar um gol para se classificar.

Mas, abusando dos chuveirinhos dentro da área, o que fez o zagueiro Hummels desperdiçar duas boas chances de cabeça, a Alemanha conseguiu sofrer gol, nos acréscimos, aos 47, de Kim Young-Gwon. E foi com a ajuda do VAR, pois o auxiliar havia dado impedimento. Entretanto, após o árbitro consultar o vídeo, o gol acabou validado.

Desesperada, pois precisava da virada para se classificar, a Alemanha se lançou ao ataque. Inclusive com o goleiro Neuer, que atabalhoadamente se lançou ao ataque, parecendo um centroavante. E foi assim que a Coreia do Sul marcou o segundo gol, aos 50 minutos, com Son Heung-Min sendo lançado, ganhando na corrida dos zagueiros e tocando para o fundo da rede, já que não havia goleiro.

Com os resultados inesperados na terceira e última rodada do Grupo F, a Suécia, com duas vitórias e uma derrota, ficou com seis pontos e a primeira colocação por ter saldo de 3 gols. Já o México foi o segundo colocado, com os mesmos seis pontos, mas com saldo de -1. Alemanha e Coreia do Sul, que comemorou a façanha de eliminar a atual campeã do mundo, foram eliminadas.

Já no Grupo E, em Moscou, a Seleção Brasileira confirmou o favoritismo. Apesar de perder o lateral esquerdo Marcelo, considerado o melhor do mundo na posição, logo no início do primeiro tempo, com lesão na musculatura das costas, e a entrada de Filipe Luís, o Brasil não teve dificuldades para superar e eliminar a Sérvia por 2 a 0.

Com lindo lançamento do meia Phillipe Coutinho, o melhor jogador brasileiro na Copa do Mundo de 2018, Paulinho entrou como elemento surpresa dentro da área da Sérvia e, com lindo toque, encobriu o goleiro Stojkovic: 1 a 0, aos 35 minutos do primeiro tempo. O detalhe é que os dois jogadores atuam no Barcelona, da Espanha, e têm entrosamento do próprio clube.

Na etapa final, aos 22 minutos, já com Fernandinho na vaga de Paulinho para reforçar o poder de marcação no meio-campo, a Seleção Brasileira fez 2 a 0. Em bela cobrança de escanteio de Neymar, o zagueiro Thiago Silva, de cabeça, marcou belo gol. O novo detalhe é que os dois jogadores atuam no Paris Saint Germain, da França, e têm entrosamento no clube.

Em Nijni Novgorod, com a vitória do Brasil, a Suíça festejou o empate por 2 a 2 com a eliminada Costa Rica. O ponto conquistado foi para os suíços, que marcaram com Dzemalli e Drmic. Waston e Ruiz deixaram tudo igual.

A classificação do Grupo E ficou assim: o Brasil, com sete pontos, em duas vitórias e um empate, somou sete pontos e ficou com a primeira colocação. A Suíça, com quatro pontos, em uma vitória, um empate e uma derrota, garantiu a segunda classificação. Sérvia, com três pontos (uma vitória e duas derrotas) e Costa Rica, com um ponto (um empate e duas derrotas), foram eliminados.

Nas oitavas de final, na segunda-feira, 3 de julho, às 11 horas (de Brasília), na cidade de Samara, o Brasil enfrenta o Mexico. No dia seguinte, terça-feira, 4 de julho, às 11 horas, jogam Suécia x Suíça.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_