BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Preocupado com a pressão, Osmar Loss quer reinventar suas ideias sem ferir padrão do Corinthians

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
São Paulo, SP, 22 de julho de 2018

O Corinthians ficou de pernas para ar antes mesmo de entrar em campo pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, quando perdeu para o São Paulo por 3 a 1, sábado (21/7), no Morumbi. Afinal, vazou que a diretoria havia negociado em definitivo o meia Rodriguinho, um dos principais jogadores do elenco, por apenas US$ 6 milhões para o Pyramids, do Egito, dos quais o Timão ficará com apenas US$ 4 milhões. Talvez até pelo baque, a torcida sentiu o golpe e o time acabou sendo dominado por completo pelo rival.

Preocupado com a pressão de torcedores e dirigentes, além das críticas fortes da imprensa, o técnico Osmar Loss deu sinais de que pretende mudar o time titular. Não só por ter perdido Rodriguinho, que já não veste mais a camisa do Corinthians, mas principalmente porque alguns jogadores estão negando fogo no time titular, casos de Marquinhos Gabriel, Romero e Gabriel.

“Realmente um trabalho tem sua continuidade facilitada com bons resultados. Tem que se adaptar, tem que se reinventar. Reinventar a equipe, as nossas ideias, sem ferir muito aquilo que colocamos como padrão. Quem era reserva treinou o mesmo que o titular´´, afirmou Osmar Loss, explicando o motivo de ter escalado Marquinhos Gabriel e, mais uma vez, não ter colocado Pedrinho em campo.

Aliás, as maiores críticas ao trabalho de Losso se referem as escalações do time. Pedrinho, Matheus Vital e Jadson no banco de reservas contra o São Paulo deixaram muita gente no clube cabreira. Para piorar, além de Rodriguinho, o zagueiro Pedro Henrique e o volante Renê Júnior foram substituídos durante o clássico e não devem retornar tão cedo.

O Corinthians volta a entrar em campo na quarta-feira (25), às 21h45, em Itaquera, contra o Cruzeiro, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“É um grande clássico, sim, que tem que ser valorizado, mas são os mesmo três pontos que vamos disputar contra o Cruzeiro. Nós temos que trabalhar para fazer ponto. Isso vai facilitar meu trabalho´´, explicou Loss, tentando minimizar a derrota para o São Paulo e já pensando no próximo jogo dentro de casa, onde nova derrota poderá deixar sua situação insustentável no clube.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_