BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Jadrei defende pênalti, Chapecoense derrota Inter, deixa o Z4, e São Paulo volta a ser líder

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Chapecó, SC, 17 de setembro de 2018

A Chapecoense entrou em campo no fechamento da 25ª rodada do Campeonato Brasileiro na zona do rebaixamento. O Inter, havia caído para a vice-liderança com o empate do São Paulo com o Santos, na Vila Belmiro, mas com o empate recuperaria a primeira colocação. O duelo aconteceu nesta segunda-feira (17/9), na Arená Condá, na cidade de Chapecó. E o time da casa não tomou conhecimento do Colorado e, de virada, venceu por 2 a 1.

Nico López, cobrando pênalti, abriu o placar aos 26 minutos do primeiro tempo para o Internacional. Leandro Pereira empatou 10 minutos mais tarde. Na etapa final, cobrando pênalti, Leandro Pereira virou o placar para a Chapecoense, levando a sua torcida ao delírio.

O grande destaque da vitória da Chapecoense, que deixou a zona do rebaixamento, empurrando o Ceará para lá, foi o goleiro Jandrei. A partida estava 2 a 1 para sua equipe, quando Leandro Damião sofreu pênalti, aos 48 minutos do segundo tempo. Ele mesmo fez a cobrança, aos 49, e o titular do gol da Chape fez defesa espetacular.

Mas não foi só a defesa de pênalti que salvou a a Chapecoense. Aos 50 minutos, em cobrança de falta, pelo lado direito, de D´Alessandro, Leandro Damião, cara a cara com Jandrei, tocou com estilo na bola e o goleiro, com o pé esquerdo, fez outra defesa espetacular.

“Não sou herói! Longe disso! Continuo com aquele pensamento de que não ganhamos nada. A vitória foi importante porque todo mundo só falava que o Internacional era o líder e favorito. Ninguém falava nada da Chapecoense. E vencemos. A nossa luta é longa e não termina por aqui. Precisamos mostrar força para seguir fora da zona do rebaixamento´´, disse Jandrei.

Revelado nas categorias de base do Internacional, onde não era relacionado sequer para o banco de reservas, Jandrei cansou de treinar pênaltis com Leandro Damião. E confessa que, além do brilhante trabalho feito pelos profissionais da análise e estatística da Chapecoense, também conhecia o estilo do atacante.

“Comecei no Inter. Não era relacionado para os jogos e ficava treinando pênaltis com o Leandro Damião. Tinha muita informação e consegui fazer a defesa´´, festejou o goleiro da Chapecoense.

De olho já na próxima partida, contra o Fluminense, Jandrei disse que o momento é de valorizar o trabalho de todo o elenco da Chapecoense e não apenas as suas grandes defesas.

“Todo mundo foi importante na vitória contra o Internacional. O Leandro Pereira, que fez os dois gols, eu que fiz grandes defesas, e os demais jogadores que fizeram tudo que planejamos´´, analisou Jandrei

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_