BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Sem contar com Diego, suspenso, Barbieri prepara o Flamengo para encarar o Atlético-MG

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Rio de Janeiro, RJ, 20 de setembro de 2018

A pressão da torcida do Flamengo está grande em cima do trabalho do técnico Mauricio Barbieri. Mas, antes da decisão por vaga na final da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira (26/9), ele prepara a equipe para o confronto diante do Atlético-MG, no domingo (23), às 16 horas, no Maracanã, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro

“Aproveitamos a semana para trabalhar, mas não podemos esquecer que vínhamos de sequência grande de jogos e, no primeiro momento, usamos para recuperar os jogadores. A gente vem trabalhando forte, ainda temos mais três dias até a partida para ajustar algumas coisas. É um momento importante para a gente recuperar o que vinha apresentando de bom e ajustar outras para obtermos os resultados que a gente deseja´´, disse o treinador.

Sem pode contar com Diego para a partida contra o Galo, pois ele foi expulso no clássico contra o Vasco, Barbieri não revelou quem entra no lugar do camisa 10 mas explicou que a equipe possui alternativas para esse momento.

“A gente está treinando e buscando as soluções. Não tem nada definido, mas ainda temos dias treinos até o jogo. Trabalhamos com a perspectiva de que iremos sem o Diego, mas temos jogadores capazes de suprir essa ausência´´, afirmou, em tom de mistério.

Barbieri foi perguntado sobre as mudanças que teve que realizar após a saída de Vinícius Junior, em julho, e mais uma vez mostrou contar com as opções no elenco.

“Após a saída do Everton (foi para o São Paulo) a gente deu mais oportunidades ao Vinicius Júnior e ele supriu bem. Sobre o Vitinho a gente vem dando oportunidades ali pela esquerda, assim como ele havia jogado pelo Botafogo. Ele mesmo já disse que se sente bem ali. Ele vem crescendo, mas ainda não está conseguindo ser efetivo. Sobre o Diego, ele faz falta pela experiência, liderança e qualidade, mas nós temos jogadores com características parecidas, um deles é o Matheus Savio, mas também podemos optar pelo Lucas vindo mais por trás´´, despistou.

Sobre a briga na parte de cima da tabela, o treinador comentou que o Flamengo precisa retomar o rumo das vitórias para poder voltar a sonhar com o título.

“Evidente que eu gostaria que a distância fosse menor ou que a gente estivesse na ponta. Precisamos encontrar de novo a consistência para voltar a ter sequência de vitórias. Nós também não tivemos sequência de derrotas, mas estamos inconstantes. Como o campeonato é difícil e equilibrado sabemos que podemos encostar nos líderes ou até passa´´, projetou o comandante flamenguista.

 

Fonte: assessoria de imprensa do Flamengo

 

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_