BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Após empate em casa com o Vasco, Cuca admite que Santos precisa reagir pela Libertadores

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
São Paulo, SP, 27 de setembro de 2018

O Santos voltou a tropeçar no Campeonato Brasileiro! Nas três últimas rodadas foram dois empates e uma derrota. A última vacilada aconteceu nesta quinta-feira (27/9), no Pacaembu, quando o Peixe ficou no 1 a 1 diante do desesperado Vasco, em jogo adiado na terceira rodada. Diego Pituca abriu o placar, e Andrés Ríos deixou tudo igual.

O técnico Cuca gostou do desempenho do Santos no primeiro tempo, quando criou, finalizou e foi para o intervalo vencendo por 1 a 0. Porém, na etapa final, a equipe caiu vertiginosamente de produção, cedeu espaços, principalmente no meio-campo, e deixou o Vasco empatar.

“O primeiro tempo foi muito bom. Não demos espaços para o Vasco, criamos e merecemos vencer. No segundo tempo, demos espaços no meio-campo, o Vasco foi criando, não marcamos bem, não diminuímos espaços e merecidamente sofremos o empate, que poderia ter saído antes. O empate foi justo´´, admitiu Cuca.

O comandante do Peixe admite que o objetivo ainda é correr atrás do G6 na tabela de classificação, por uma vaga na Libertadores. Porém, ele não esconde que o jogo de domingo (30), às 16 horas, na Vila Belmiro, diante do Atlético-PR, será decisivo para as pretensões futuras do Santos. Caso não vença, a equipe terá de cair na real e passar a pensar primeiro em se afastar da zona do rebaixamento.

“Se pensarmos em Libertadores precisamos vencer no domingo. Vamos enfrentar um adversário descansado, mas jogaremos dentro de casa e temos que vencer. Como empatamos, perdemos e empatamos nas três últimas rodadas, se não vencermos o Atlético-PR teremos de olhar para baixo na tabela de classificação´´, admitiu o treinador.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_