BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Após perder a liderança ao empatar no Rio, São Paulo projeta decisão contra o Palmeiras

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
São Paulo, SP, 30 de setembro de 2018

O São Paulo buscou o empate por duas vezes no Estádio Nilton Santos, o Engenhão, na tarde deste domingo (30/9), diante do Botafogo. Depois de ir para o intervalo perdendo por 2 a 1, o Tricolor fez bom segundo tempo, mas parou nos milagres do goleiro Saulo, nos minutos finais. Após a partida, o técnico Diego Aguirre já projetou o duelo decisivo com o Palmeiras, no sábado (6/10), às 18 horas, no Morumbi, valendo a liderança do Brasileiro.

O Tricolor encontrou dificuldades no primeiro tempo. Logo aos 4 minutos, Jean abriu o placar para o Botafogo. Aos 7 minutos, o Tricolor empatou com Diego Souza. No entanto, os cariocas terminaram a etapa inicial em vantagem, com gol de Kieza. Na segunda etapa, Gonzalo Carneiro, que tinha entrado há poucos minutos no lugar de Edimar, deixou tudo igual. O São Paulo dominou no ataque desde então, mas a bola não entrou.

“Foi um jogo muito disputado, difícil. No primeiro tempo tomamos dois gols cometendo erros. No segundo tempo, buscamos o empate, chegamos perto da vitória e gostei. Estamos entrando na etapa final, temos que pensar em todos os jogos, não só no próximo adversário para continuar na luta´´, disse o técnico.

Apesar de saber que serão 11 decisões a partir de agora, a mais importante acaba sendo a próxima, ainda mais pelo Palmeiras ter assumido a liderança, com um ponto à frente do São Paulo.

“Às vezes, empatar fora de casa é bom, mas quando você precisa dos três pontos, não é bom. Nós precisamos voltar as vitórias, jogo decisivo na frente e muita coisa para acontecer. Temos que acreditar nas coisas boas que podemos fazer e vamos fazer. Vamos focar nos trabalhos da semana, e cada jogo é mais decisivo, ainda mais jogando em casa´´, analisou Aguirre.

Para o clássico, o comandante terá o retorno de Arboleda, que estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e espera contar com Everton, que finaliza a recuperação de um desconforto na coxa.

“É importante contar com todos jogadores na etapa final, importantes voltas´´, finalizou.

Autor do primeiro gol do São Paulo, o atacante Diego Souza lamentou o resultado, mas já quer ver a equipe reagindo diante do Palmeiras, no Morumbi.

“Esse grupo vem trabalhando muito, dia a dia, e é claro que não gostamos de ter perdido a liderança, por isso estamos saindo insatisfeitos com esse empate. Mas há muito campeonato pela frente e agora teremos confronto direto na nossa casa, com o apoio do nosso torcedor. O espírito de luta continua existindo, o time tem brigado até o último minuto. Nossa equipe está bem viva´´, ressaltou Diego Souza.

Sobre a grande defesa de Saulo, aos 48 minutos do segundo tempo, o atacante explicou.

“A bola pingou e subiu, então dei toque para empurrar para o gol. O goleiro teve a felicidade de esticar a perna, e a bola ainda sair daquele quadrado. Foi muita falta de sorte, competência dele, mas era o lance que decidiria o jogo´´, lamentou.

Autor do segundo gol do Tricolor na partida, o atacante Gonzalo Carneiro foi outro a lamentar o resultado no Rio de Janeiro. O uruguaio entrou na etapa final, no lugar de Edimar, e teve boa atuação. Além de anotar o gol de empate, ele movimentou-se muito no ataque e incomodou os adversários.

“Nós merecíamos a vitória. Depois de ter empatado o jogo, a equipe sufocou o Botafogo, não deu espaço para eles criarem e ainda criou muitas oportunidades. Agora temos de continuar lutando e trabalhando para voltarmos a vencer. Nosso time está muito focado´´, afirmou Gonzalo.



Fonte: assessoria de imprensa do São Paulo

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_