BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série A: Rodrigo Caio é o quarto jogador com mais partidas pelo São Paulo na era dos pontos corridos

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
São Paulo, SP, 4 de outubro de 2018

Completamente recuperado de lesão no pé seguida de trauma no joelho, que o afastou dos gramados por cinco meses, o zagueiro Rodrigo Caio vem readquirindo o ritmo de jogo e passa a ser opção importante para o técnico Diego Aguirre na briga do São Paulo pelo título do Campeonato Brasileiro. A presença do defensor é importante não somente pela sua qualidade técnica e liderança, mas também por sua identificação e tempo de clube.

Ao voltar a ser titular contra o América-MG, na penúltima rodada do Brasileiro, e entrar no decorrer do empate em 2 a 2 com o Botafogo, no último final de semana, o camisa 3 se tornou o quarto atleta com mais jogos pelo Tricolor na era do Campeonato Brasileiro por pontos corridos.

Em sua oitava temporada consecutiva na equipe principal, Rodrigo Caio já disputou 140 jogos no Brasileirão e se igualou ao atacante Dagoberto. Agora, o defensor só fica atrás do artilheiro Luis Fabiano (143), do polivalente Richarlyson (147) e do goleiro Rogério Ceni (428).

Feliz com mais uma importante marca alcançada com a camisa do São Paulo, Rodrigo Caio disse estar pronto para ajudar a equipe na busca pelo heptacampeonato Brasileiro.

“Todo mundo sabe o carinho e respeito que tenho pelo clube. Sempre fui são-paulino e tive o privilégio de crescer aqui. Passei pelas categorias de base e já estou na minha oitava temporada na equipe principal. Nos últimos meses, passei por situação complicada e não pude contribuir dentro de campo, mas agora já estou 100% recuperado e pronto para ajudar a equipe na briga pelo título´´, declarou o jogador, que também projetou o decisivo clássico contra o Palmeiras, no sábado (6/10), no Morumbi, pela 28ª rodada.

“Será mais um clássico entre duas grandes equipes que brigam pelo título. Estamos trabalhando bastante e com muito foco pra voltar a vencer e retomar a liderança. Tenho certeza de que o torcedor são-paulino vai lotar o Morumbi, como vem fazendo sempre, e nos apoiar do início ao fim. Respeitamos o Palmeiras, mas faremos de tudo para sair de campo com os três pontos´´, ressaltou.

Desde 2006 no São Paulo, quando chegou às categorias de base do Tricolor com 12 anos, Rodrigo Caio é o atleta mais longevo do atual grupo de jogadores, superando nesta temporada os ídolos Raí e Zetti, que permaneceram no Morumbi durante sete anos consecutivos. Tal feito não acontecia com atletas de linha desde a época do ex-zagueiro Ronaldão, que defendeu o clube entre os anos de 1986 e 1993.

Rodrigo Caio também é o são-paulino com o maior número de partidas do elenco, com 275 atuações, muito à frente do volante Hudson, segundo colocado, com 155. Além disso, o camisa 3 já marcou 13 gols e conquistou o título da Copa Sul-Americana de 2012.

As boas atuações pelo clube do Morumbi, inclusive, fizeram com que Rodrigo Caio passasse a ser convocado para a Seleção Brasileira. Pela base, o atleta foi campeão e eleito o melhor jogador do Torneio Internacional de Toulon, em 2014.

Em 2016, foi titular e um dos principais destaques na campanha do inédito ouro olímpico, no Rio de Janeiro. Além disso, também já soma oito convocações para a equipe canarinha principal e ficou na lista dos 12 atletas suplentes para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Atletas com mais jogos pelo São Paulo no Brasileiro de pontos corridos

1º – Rogério Ceni (428)
2º – Richarlyson (147)
3º – Luis Fabiano (143)
4º – Rodrigo Caio e Dagoberto (140)

Jogadores de linha com mais temporadas consecutivas (desde o lateral Nelsinho)

Nelsinho – 12 temporadas (1981 a 1992)
Rodrigo Caio – 8 temporadas (2011 a 2018)
Adilson e Ronaldão – 8 temporadas (1986 a 1993)
Raí – 7 temporadas (1987 a 1993)
Zetti – 7 temporadas (1990 a 1996)
França – 7 temporadas (1996 a 2002)

 

Fonte: Triple

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_