BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Libertadores: Após eliminação diante do Boca Juniors (ARG), atletas do Palmeiras destacam importância do Brasileiro

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
O jogador Felipe Melo, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Pavón, do CA Boca Juniors, durante partida valida pelas semi finais (volta), da Copa Libertadores, na Arena Allianz Parque.

Da Redação
São Paulo, SP, 31 de outubro de 2018

Após a partida diante do Boca Juniors (ARG), pelo jogo de volta da semifinal da Copa Libertadores nesta quarta-feira, 31, os jogadores do Palmeiras mostraram estar com um único pensamento neste momento: o Campeonato Brasileiro, do qual o Alviverde é líder, com 63 pontos. Autor do primeiro gol palmeirense no duelo de hoje, o zagueiro Luan lamentou a saída do time no Continental e falou sobre a vontade com que o Verdão está empenhado no campeonato nacional.

“O sonho da Libertadores neste ano nós não conseguimos, é uma coisa que machuca demais, mas vamos em busca deste Campeonato Brasileiro. A gente tem que ser forte, juntar forças, sábado temos uma batalha grande em um campeonato que a gente lidera e temos que fazer tudo para sermos campeões brasileiros”, declarou.

Utilizado dentre os titulares pelo técnico Luiz Felipe Scolari contra o Boca, o meio-campista Lucas Lima também comentou sobre o próximo desafio do Verdão no Campeonato Brasileiro, o Santos, pela 32ª rodada. “Sabemos que temos um jogo muito importante sábado. Temos uma vantagem boa e queremos manter. Agora é continuar trabalhando para o Brasileiro”, disse o camisa 20.

O goleiro Weverton também transmitiu otimismo em seu discurso ao abordar o tema ‘Campeonato Brasileiro’. Vale lembrar que o arqueiro, contratado nesta temporada, completou 30 jogos com a camisa esmeraldina nesta quarta-feira, contra o Boca, e sofreu apenas 15 gols (média de 0,5 por partida). O guarda-metas tem no currículo uma medalha de ouro olímpica conquistada nos Jogos Olímpicos Rio 2016 – inclusive, defendendo pênalti na decisão contra a Alemanha.

“Agora é concentrar no Brasileiro. Tentar ao máximo somar pontos e fazer o nosso dever de casa no sábado, continuar na ponta e tentar ganhar esse Brasileiro. São grandes possibilidades. Vamos lutar por ela até o final, focar 100% na competição e pensar jogo a jogo.”, analisou o camisa 21. E ponderou: “Não adianta a gente pensar lá no final, sendo que a gente tem agora, neste sábado, um importante clássico, jogo difícil pela frente. Temos que concentrar bem e tentar já vencer para continuar bem no campeonato”, concluiu.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_