BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Copa Paulista: Ferroviária e Votuporanguense disputam o título e a cobiçada vaga na Série D do Brasileiro

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Luiz Ademar
São Paulo, SP, 19 de novembro de 2018

Ferroviária e Votuporanguense farão final inédita na Copa Paulista, correndo atrás da cobiçada vaga na Série D do Campeonato Brasileiro e do prêmio de R$ 250 mil. O vice fica com a vaga na Copa do Brasil e R$ 150 mil. Em casa, o time de Votuporanga atropelou o Atibaia por 3 a 0, após 1 a 1 na ida, e foi para a decisão. Já a equipe de Araraquara, ao lado da sua torcida, empatou por 2 a 2 com o Red Bull Brasil, após ter vencido por 2 a 0 em Campinas.

Os gols do Votuporanguense foram marcados por Ricardinho, Erick Salles e João Marcos. Com muita torcida na Arena Plínio Marim, na cidade de Votuporanga, a equipe da casa foi superior o tempo todo e mereceu a classificação.

Já o Red Bull Brasil foi a Araraquara precisando vencer por pelo menos dois gols de diferença para se manter vivo na Copa Paulista. E fez 2 a 0 no primeiro tempo, gols de Eduardo e Léo Castro.

“Não conseguimos o nosso objetivo, que era a vaga na Série D. Talvez erramos demais no primeiro jogo, que acabou complicando para o segundo. Mas fizemos bom primeiro tempo e era questão de aguentar um pouco mais no segundo. Fizemos tudo direitinho. Infelizmente por uma expulsão acabamos ficando com um a menos e facilitou as coisas para o adversário´´, disse o técnico Antonio Carlos Zago, do Red Bull Brasil.

Na etapa final, a Ferroviária partiu para o tudo ou nada e chegou aos empate, gols de Felipe Matheus e Léo Arthur.

Com o resultado, o Toro Loko está eliminado na semifinal da competição – a final será entre Ferroviária e Votuporanguense – e começa a focar em sua preparação para o Campeonato Paulista.

“Agora, é descansar e depois pensar no Paulista. Um campeonato difícil, então temos de formar bom time para pensarmos em classificação, quartas de final e, quem sabe, semi. A gente tem de começar a pensar grande a partir de agora´´, completou Zago.

A história da eliminação do Red Bull começou a mudar após 20 minutos do segundo tempo. Anderson Marques foi expulso por receber o segundo amarelo e o Toro Loko ficou com um a menos. E a Ferroviária tirou proveito para chegar ao empate e carimbar, pela terceira vez consecutiva, sua vaga na final da Copa Paulista.

 

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_