BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série B: Artilharia, acesso e o dobro de aproveitamento, Renato fecha 2018 como grande destaque do Avaí

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Florianópolis, SC, 3 de dezembro de 2018

Os números são aliados para comprovar a importância de Renato para o Avaí na campanha que culminou no acesso da equipe azurra à Série A do Brasileiro. O versátil jogador terminou a Série B com 12 gols marcados, sendo o artilheiro avaiano na competição, com cinco gols a mais que Rodrigão e Getúlio. Ele ficou em quarto lugar na artilharia da competição.

Lateral-direito de origem e atuando boa parte da trajetória do Leão como ponta, Renato valorizou o fato de ter marcado tantos gols na Série B. Aliás, os gols fizeram com que 2018 seja a partir de agora a temporada com mais gols na carreira, superando os sete que anotou em 2016.

“Sempre deixei claro que o meu objetivo inicial era recolocar o Avaí na Série A e comemorei muito o fato que a meta foi alcançada. Durante a competição vi que tinha terminado o turno com seis gols. Não cheguei a expor isso publicamente, mas guardei comigo esse objetivo de tentar marcar pelo menos mais seis gols no returno. Acabei fechando o ano bastante satisfeito, pois além do objetivo principal que era o acesso, consegui atingir a meta de gols´´, explicou o camisa 19 azurra.

Renato não foi importante apenas marcando gols. Ele contribuiu também com assistências. Foram oito no total. Em resumo, o alagoano participou diretamente de 20 gols do Avaí na Série B. Ele só não teve mais participações que o atacante Lucão, do Goiás, que participou de 21 tentos (16 gols e cinco assistências).

“Esses números comprovam que fui muito participativo nesta Série B. Não apenas com os gols, mas também com assistências, que é algo fundamental para um jogador com minhas características. É importante demais ter 20 participações diretas numa competição tão difícil como a Série B´´, admitiu o atleta de 28 anos.

Além de gols e assistências, Renato contribuiu diretamente para os bons resultados do Avaí que terminaram com o acesso. Ele não atuou em cinco partidas e o Leão somou apenas cinco pontos nesses duelos, num aproveitamento de 33%. Com Renato em campo, o aproveitamento avaiano quase duplicou com 56% dos pontos.

“Já havia tido um ano feliz em 2016 pelo Avaí e isso se repetiu nesta temporada. Sei que fui importante para o acesso e para o bom desempenho do time. Mas não conquisto nada sozinho. Tive suporte dos meus companheiros e quero, inclusive, agradecer todos do elenco avaiano que me ajudaram a ter grande desempenho na Série B´´, concluiu.

Fonte: AV

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_