BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Catarinense: Douglas admite que Chapecoense não está 100% para estreia no estadual

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

João Rafael Pinheiro
Chapecó, SC, 11 de janeiro de 2019

Titular absoluto na temporada 2018, o zagueiro Douglas da Chapecoense concedeu entrevista nesta quinta-feira (10) aos jornalistas. Capitão em algumas oportunidades, ele falou sobre a preparação física do Verdão para a estreia no Catarinense em 2019.

Com a estreia contra o Marcílio Dias no dia 17 a vista, a Chapecoense segue na preparação para jogar o estadual. Importante no sistema defensivo do Verdão do Oeste, Douglas relatou que a Chapecoense não está totalmente preparada para a estreia, e que isso pode fazer diferença para o rendimento da equipe. “A gente sabe que é difícil trabalhar num curto período, preparar uma equipe para estrear em 15 dias. Não é o tempo ideal, acho que em nenhum lugar do mundo uma equipe de futebol se prepara em duas semanas pra estrear num campeonato. Claro que alguns jogadores não vão estar 100%”, afirma.

Ele confirma que os jogadores da Chape terão o máximo de sua capacidade física apenas na terceira ou quarta rodada do estadual. “Estão fazendo todos os treinamentos, acompanhando com GPS, com todas as informações possíveis, para poder ter a base sobre os jogadores que melhor condicionados estão pra poder jogar”.

Confiante, o zagueiro ficou feliz com o acerto do companheiro de posição Fabrício Bruno, que fica para a temporada 2019 no Verdão. Fabrício que passou a maior parte do ano lesionado, foi importante para as partidas finais da Chape contra o rebaixamento no Brasileirão. “Só tenho a falar coisas boas sobre o Fabrício e o que ajuda é o nosso entrosamento também. Fizemos uma dupla que consegue se completar. Ele com a velocidade e eu com um pouco da vivência que já tive”.

A estreia da Chape está marcada para o dia 17 contra o Marcílio Dias às 20:30 (de Brasília) na Arena Condá. Mesmo por ser um adversário de menor expressão, o zagueiro alerta por uma possível brecha do Verdão. “Não podemos menosprezar jamais a equipe do Marcílio Dias. Temos que encarar a equipe do Marcílio Dias como qualquer outra equipe de Série A. Não podemos jamais desprezar o adversário para não ser surpreendidos.”.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_