BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Paulistão: Vitória do Ituano no clássico regional contra o São Bento deixa técnico Vinicius Berganti animado

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
SP - PAULISTÌO/ITUANO X SÌO BENTO - ESPORTES - , Ituano e S‹o Bento, durante partida v‡lida pela 3» rodada do Campeonato Paulista 2019, realizada no est‡dio Dr. Novelli Jr., em Itu, S‹o Paulo, segunda-feira (28). 28/01/19 - Foto: MIGUEL SCHINCARIOL/ITUANO FC

Da Redação
Itu, SP, 29 de janeiro de 2019

O Ituano precisava da primeira vitória no Campeonato Paulista, assim como o rival São Bento. Com um ponto, os dois queriam vencer para sair das últimas posições. Melhor para o Galo de Itu, que novamente superou o rival de Sorocaba. Com gols de Claudinho e Martinelli, venceu por 2 a 0, segunda-feira (28/1), em casa, e pulou para terceira colocação no grupo e ficou na metade da tabela na classificação geral.

“O peso desta vitória é muito grande. Sabemos o quanto o Campeonato Paulista representa para nós. Um clube correto, com profissionais capacitados e dedicados. Sempre é importante você vencer num campeonato tão difícil como este. E ainda que vencemos com merecimento. Numa análise deste nosso início, investimos pouco para ganharmos do Novorizontino. Já fizemos mais em São Caetano e por pouco não saímos com a vitória. E agora demos um passo a frente e conseguimos a vitória´´, comentou o técnico Vinicius Bergantin.

Foi a quarta vitória seguida contra o São Bento. Desde setembro de 2013, o Ituano não sabe o que é perder este jovem dérbi de apenas 20 partidas. Claudinho, que marcou o primeiro gol da temporada, falou do ambiente no vestiário.

“Um clima diferente por causa da vitória num clássico. A gente estava precisando. Nossa estreia não foi boa. Fizemos bom jogo em São Caetano, mas não vencemos. Agora superamos o calor que estava enorme e o cansaço. Fomos felizes´´, afirmou Claudinho, que marcou seu 12º gol com a camisa do Ituano.

Diferente das duas primeiras partidas, o técnico Vinicius Bergantin promoveu três alterações na equipe que começou a partida. Uma delas foi a estreia do atacante Alemão.

“As alterações foram para nós ganharmos mais força no ataque. Com as entradas de Martinelli e Bassani pela boa pré temporada e sequência que vem desde o ano passado. Já a entrada do Alemão foi pela sua experiência, com qualidade diferenciada e boa visão de jogo. A minha ideia era ter força na parte ofensiva´´, explicou Vinicius.

A intenção foi frustada com o calor de 35 graus com o jogo começando as 17h30. Não houve nenhuma finalização no alvo no primeiro tempo. Teve uma cobrança de falta de Jonas na barreira. E uma finalização errada de Martinelli, após o cruzamento de Jonas. O calor era excessivo.

“O primeiro tempo foi muito estudado. Começamos melhor e depois o São Bento conseguiu envolver um pouco. Pedi para que eles começassem forte os dois tempos. Com o objetivo de encurralar o adversário e não dar chance para o adversário respirar. No segundo tempo este plano deu certo e fez com que conquistássemos a vitória de forma merecedora´´, lembrou Vinicius.

Claudinho roubou uma bola na saída do São Bento e tocou rápido para Bassani, que ajeitou e bateu para o gol. Por cima. Aos 10 minutos, bola tocada da direita, Bassani só desvia e Martinelli domina com classe, tira o zagueiro e cruza meia altura. Alemão faz o corta luz e leva o zagueiro. Claudinho recebe de frente para o gol, ajeita e marca o primeiro gol do Ituano em 2019.

A partir deste gol, o Ituano foi superior o tempo todo. Peri recebe no meio campo, prepara e solta a bomba, assustando o goleiro Renan. Tabela entre Bassani e Claudinho, que recebeu na frente e quando preparou o chute foi interceptado. Depois com as entradas de Correa e Morato, o Ituano aumentou a segurança lá atrás e deu velocidade na frente. Falta no Martinelli e expulsão do zagueiro Ewerson Páscoa pelo segundo amarelo. Na cobrança, Jonas bateu colocado por cima. Renan com um tapinha colocou por cima.

Faltando cinco minutos, entrou Marcelinho e o Ituano buscou o segundo gol. Marcelinho tabelou na esquerda com Claudinho, que recebeu dentro da área e devolveu a assistência para Martinelli. Ele bateu de canhota e fechou o placar.

“Estávamos trabalhando firme em busca desta primeira vitória. A pegada e a vontade foram diferentes. Marcar o meu primeiro gol no Campeonato Paulista é muito importante. Já tinha feito gol na Copa Paulista e agora fiz no Paulistão´´, contou Martinelli.

Após o primeiro resultado positivo, o Ituano pretende manter o crescimento.

“Com a vitória aumenta a confiança. Vamos atrás dos três pontos em Araraquara. Se repetimos a boa atuação poderemos sair de lá vitorioso´´, afirmou Claudinho.

O técnico Vinicius Bergantin é mais prudente.

“O sonho de todo o treinador é ter a progressão no campeonato, jogo a jogo. Sabemos das dificuldades. Uma vitória sempre é bem vinda. Temos outro jogo já na quinta-feira (31/1), fora de casa, contra a Ferroviária. Queremos fazer ótimo jogo em Araraquara e nos acostumarmos com os bons resultados como diante do São Bento´´, finalizou Vinicius Bergantin.

 

Fonte: assessoria de imprensa do Ituano

 

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_