BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Paulistão: Mancini elogia o esquema tático com três zagueiros e lamenta o empate do São Paulo

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
São Paulo, SP, 25 de fevereiro de 2019

Técnico interino do São Paulo até a chegada de Cuca, que se recupera de cirurgia cardíaca, Vagner Mancini lamentou o empate por 0 a 0 com o Red Bull Brasil, no domingo (24/2), no Morumbi, pela oitava rodada do Campeonato Paulista, mas viu pontos positivos. Para ele, a mudança no esquema tático – o Tricolor atuou com três zagueiros e muitos atletas ofensivos do meio de campo para a frente – poderá marcar o início de uma nova era na equipe, buscando intensidade e identificação com a torcida.

Mancini também destacou que o fato de o time ter atuado com um jogador a menos desde os 18 minutos do primeiro tempo – o atacante Gonzalo Carneiro foi expulso pelo árbitro Luiz Flavio de Oliveira – fez com que o panorama da partida mudasse, mas a superação e a entrega dos atletas compensaram a desvantagem numérica.

“A mudança do sistema de jogo vem em momento importante, em que o São Paulo busca nova identidade, uma reconstrução. Queremos ter time que seja a cara do torcedor, que chega com velocidade e bem ao ataque. Hoje vimos a superação e a entrega dos atletas, que entenderam o sistema e se dedicaram a ele. Foram mais de 70 minutos jogando com um a menos, contra equipe bem montada´´, afirmou Mancini.

“A expulsão, de certa forma, modificou o panorama do jogo. Se nós acreditávamos que a entrada do terceiro zagueiro iria nos dar mais liberdade para que os laterais apoiassem, para que os meias e os atacantes tivessem mais atletas por perto, a expulsão fez com que o jogo ganhasse panorama diferente. Com um a menos, o time compensou mostrando muita entrega e superação´´, completou o comandante.

Vagner Mancini ressaltou por diversas vezes a necessidade de buscar um time que mostre muita intensidade e seja mais criativo no último terço do campo. Ele afirmou que deseja ver a equipe jogando da maneira que a torcida gosta, com ofensividade.

“O torcedor gosta de ver isso, um time leve, intenso, que vai bem à frente. Hoje tivemos muita intensidade no jogo, principalmente para marcar, porque tínhamos um a menos. Quero essa intensidade também para chegar ao gol adversário, posse de bola objetiva, que nos permita romper as linhas de marcação. A partir do momento em que eu coloco a entrada de mais um zagueiro, eu fortaleço um time que vinha tomando muito gol e permito o avanço dos alas. Preciso de sistema leve, de ataque. O 3-5-2, por característica, é ofensivo´´, disse Mancini.

“Foi uma ideia minha (mudança no sistema tático), mas é claro que sentei com o Cuca durante a semana, falamos sobre sistemas, sobre como havia semelhança na maneira de enxergarmos futebol. Para a atual situação do São Paulo, acho que esse sistema é o mais apropriado´´, completou o treinador.

Quando perguntado sobre a atuação do goleiro Tiago Volpi, que fez grandes defesas e garantiu que o São Paulo não fosse vazado na partida, Vagner Mancini também foi só elogios ao arqueiro.

“O Volpi fez grande jogo, com cinco ou seis defesas espetaculares. O São Paulo está muito bem servido de goleiros, com ótimas opções´´, ressaltou.



Fonte: assessoria de imprensa do São Paulo

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_