BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Amistoso: Na véspera da Seleção Brasileira encarar a República Tcheca, lateral Danilo festeja 10 anos de carreira

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Na véspera do amistoso da Seleção Brasileira diante da República Tcheca, nesta terça-feira (26/3), em Praga, o lateral-direito Danilo completa exatos 10 anos de carreira. Foi no dia 25 de março de 2009 que o jogador do Manchester City, da Inglaterra, deu início à trajetória vitoriosa como atleta profissional. Na ocasião, com a camisa do América-MG, ele entrou em campo na vitória por 2 a 1 sobre o Uberaba, pelo Campeonato Mineiro.

Dois anos depois, em 2011, com Neymar, Ganso & Cia., Danilo participou da campanha vitoriosa do Santos na Copa Libertadores, com gol na final diante do Peñarol-URU, no Pacaembu. Dali em diante, o jogador, hoje aos 27 anos, foi subindo de degrau em degrau na caminhada “de Bicas-MG para o mundo”, como o próprio gosta de repetir, ao lembrar de suas origens e o local onde nasceu. Com passagens por Porto-POR e Real Madrid-ESP, antes de chegar à Inglaterra para defender o City, ele soma 19 títulos no futebol, consolidando-se como um dos mais vitoriosos do país.

“Ainda vivo a ansiedade de menino a cada partida, mas quando paro para pensar, vejo que já foram 10 anos de carreira. Foi tudo maravilhoso, só tenho a agradecer a Deus e a todas as pessoas que me ajudaram em todos esses anos. Eu espero seguir fazendo o que mais gosto na vida, que é jogar futebol, podendo conquistar ainda mais títulos e fazendo história por onde passar. Para mim, valorizo a conquista pelo América-MG, com 18 anos, da mesma forma que valorizo a conquista pelo City´´, afirmou.

Na Europa há quase oito anos, Danilo acumula 13 títulos no Velho Continente, por Manchester City, Real Madrid e Porto. O último foi a conquista da Copa da Liga Inglesa (Carabao Cup) diante do Chelsea, há cerca de um mês. Pela Seleção Brasileira, ele tem duas taças com a equipe Sub 20 (o Mundial e o Sul-Americano, em 2011) e, agora, o sonho é festejar com a Seleção principal.

“Meu sonho é poder seguir com o grupo da Seleção para ajudar na conquista dos objetivos. Neste ano, haverá a Copa América em nosso país, sabemos da responsabilidade e também do prazer que será jogar diante da nossa torcida, então esperamos fazer grande competição. Um outro sonho para daqui alguns anos é, com certeza, a conquista da Copa do Mundo. É minha obsessão para a carreira´´, ressaltou.

Fonte: Inovem Comunicação

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_