BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Gaúcho: Em grande estilo, Grêmio vibra com bicampeonato conquistado em cima do rival Internacional

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Após empate sem gols tenso, no tempo normal, o Tricolor gaúcho fez a festa na bola parada, dentro de sua casa

Da Redação
Porto Alegre, RS, 18 de abril de 2019

O Grêmio conquistou na noite de quarta-feira (17/4) o bicampeoato gaúcho! Depois de uma noite repleta de emoções, tensão, nervosismo e pênalti perdido no tempo normal, quando voltou a empatar sem gols diante do rival Internacional, o Tricolor conseguiu vencer nas penalidades: 3 a 2.

“O título vai para o meu grupo, nossa torcida. Foi o primeiro estadual na Arena. Eu estou cansado, cansado de dar volta olímpica´´, brincou o técnico Renato Gaúcho, que ganhou seis taças desde que chegou ao Grêmio, em setembro de 2016.

Os mais de 51 mil torcedores presentes na Arena assistiram a um jogo pegado e nervoso, o que não poderia ser diferente para Gre-Nal. O Grêmio se impôs e levou perigo a meta colorada por vezes na etapa incial. A melhor chance foi aos 15 minutos, em contra-ataque, quando Everton recebeu e chutou forte. No lance, Marcelo Lomba defendeu com rebote e André aproveitou para estufar as redes, mas a arbitragem assinalou impedimento no gol gremista. Já a oportunidade adversária parou nas mãos de Paulo Victor, que defendeu uma bola de Guerrero.

No segundo tempo, o Tricolor passou a ter mais posse de bola. Aos 23 minutos, entou pela esquerda com Cortez, que caiu dentro da área, depois ser puxado por Guilherme Parede. O lance foi analisado pelo VAR e o pênalti assinalado para os gremistas. Houve confusão, em que D’Alessandro e o técnico Odair terminaram expulsos. Na cobrança, aos 29, André chutou no canto esquerdo e Marcelo Lomba defendeu. No rebote, Geromel chutou por sobre a meta, depois de dividir com Dourado.

Outras duas boas chances surgiram nos minutos finais. Aos 49. Everton recebeu na esquerda, invadiu a área e buscou o ângulo esquerdo de Lomba. A bola saiu por detalhe. No lance seguinte, o atacante recebeu novamente e mandou uma bomba, que explodiu na trave.

Com o zero a zero no tempo regulamentar, o jogo foi decidido nas penalidades. Depois de muito nervosismo, o Tricolor venceu o Internacional por 3 a 2. Tardelli, Matheus Henrique e André marcaram para os gremistas.

Penalidades

A primeira cobrança foi feita por Camilo, de chapa, no canto esquerdo. Paulo Victor foi lá e fez uma grande defesa. Diego Tardelli cobrou para o Grêmio e marcou, batendo rasteiro, no canto direito, passando embaixo de Marcelo Lomba: 1 a 0.

Rafael Sobis foi o segundo a cobrar e mandou forte no canto esquerdo, sem chances de defesa: 1 a 1. Everton isolou a cobrança, deixando tudo igual.

Guerrero cobrou para o Internacional e assinalou, colocando o Inter na frente: 2 a 1. Matheus Henrique foi o terceiro a cobrar para o Tricolor. O volante chutou no canto direito, fazendo o segundo gol gremista: 2 a 2

A quarta cobrança do Inter foi feita por Cuesta. Chutou no canto direito e Paulo Victor defendeu mais uma vez. Michel, de perna canhota bateu no lado direito, para mais uma defesa de Marcelo Lomba. E seguiu 2 a 2.

Nico López foi para a terceira cobrança do Colorado, mandou uma bomba no canto esquerdo para mais uma defesa do goleiro gremista. André, que havia perdido no tempo normal, cobrou a última penalidade. Mandou no canto direito de Lomba, marcando e decretando a vitória para o Grêmio: 3 a 2.

Crédito da fotos: Lucas Uebel / Grêmio – Fonte: assessoria de imprensa

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_