BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Baiano: Bahia conquista título estadual e Roger Machado diz que o técnico Enderson Moreira também pode se considerar campeão

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Salvador, BA, 21 de abril de 2019

Em final repleta de emoção na Fonte Nova, o Bahia fez valer a força de sua torcida para conquistar seu 48º troféu de campeão baiano na história, repetindo o título de 2018. Com um gol do artilheiro Gilberto, de pênalti, o Esquadrão venceu o Bahia de Feira por 1 a 0, neste domingo (21/4), após o empate em 1 a 1 na semana passada, em Feira de Santana.

Com apenas 15 dias no comando do Bahia, trabalhando apenas quatro partidas, o técnico Roger Machado, em demonstração de humildade, avisou para todos que o seu antecessor, Enderson Moreira, também pode se considerar campeão pelos brilhantes serviços prestados no clube.

“São apenas 15 dias de clube e parece que estou há uma temporada. Peguei uma equipe bem estruturada pelo Enderson Moreira. Enderson, essa conquista é tua. Sinta-se campeão também. Tenho certeza que esse trabalho vai render bons frutos´´, anunciou Roger Machado.

O Bahia volta suas atenções para o duelo de volta da Copa do Brasil, contra o Londrina, quinta-feira (25), no Paraná. Na ida, o Tricolor goleou por 4 a 0 e está muito próximo das oitavas de final. Já no domingo (28), o time estreia no Brasileirão, contra o Corinthians, na Fonte Nova.

O gol do título saiu aos dois minutos do segundo tempo, após blitz na área, Ramires foi derrubado pelo zagueiro Victor Hugo e após análise do árbitro de vídeo, o pênalti foi marcado para o Bahia. Na cobrança, Gilberto deslocou Jair e bateu no cantinho, fazendo a festa da torcida na Fonte Nova.

O Bahia de Feira teve a chance de empatar também em penalidade, em novo lance de interferência do árbitro de vídeo, que assinalou mão de Gilberto dentro da área num chute de falta de Vitinho.

Na cobrança da penalidade, porém, nova explosão de alegria no estádio, com o goleiro Anderson defendendo a batida de Vitinho e o chute no rebote de Vitor Hugo.

O Bahia atuou com Anderson; Nino, Ernando, Lucas Fonseca (Xandão) e Moisés; Elton, Douglas Augusto, Arthur Caíke (Rogério), Ramires (Gregore) e Artur; Gilberto.

Crédito da foto: Felipe Oliveira / Bahia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_