BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Brasileirão: Rebaixado, Adilson Batista manifesta desejo em permanecer no Cruzeiro

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Belo Horizonte, MG, 08 de dezembro de 2019

O técnico Adilson Batista observa, ao fundo, a tentativa do Cruzeiro de chegar ao ataque – Crédito: Vinnicius Silva

A derrota por 2 a 0 para o Palmeiras e o empate do Ceará em 1 a 1 diante do Botafogo (RJ) foram resultados suficientes para consumar o inédito rebaixamento do Cruzeiro à Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar do clima de tristeza e insatisfação, o técnico Adilson Batista, que comandou a Raposa nos últimos três compromissos do time mineiro na elite do futebol nacional manifestou seu desejo em permanecer para a próxima temporada.

“Eu quero fazer parte dessa reconstrução. Dar apoio, trabalhar, mostrar, explicar, ajudar essa geração mais nova, porque é ali que está o futuro do Cruzeiro. Quero dar minha contribuição, vou me entregar de corpo e alma, me dedicar, para a gente começar uma nova etapa. O torcedor está chateado, magoado, mas precisa entender que é o momento de ele ajudar. Ele precisa colaborar, ajudar, incentivar essa geração que vem 2020, para que a gente tenha um centenário com perspectiva de reagir”, disse o técnico Adilson Batista

O ex-zagueiro também compartilha das análises sobre o elenco realizada por Rogério Ceni, que chegou a comandar o Cruzeiro em algumas rodadas do Campeonato Brasileiro. De acordo com Batista, existem muitos problemas que precisam ser solucionados para a próxima temporada. Além do Campeonato Mineiro, a Raposa disputa a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série B pela primeira vez em sua história.

“Nosso amigo Rogério Ceni [atualmente no Fortaleza] tinha razão em muitas coisas que ele falou. E eu notei isso. A gente, como está há muitos anos, tem muita coisa errada. O Zezé acaba de relatar. Então, falta intensidade, aspecto físico. Falta um monte de coisa. O que eu vi nesses três jogos não é o Cruzeiro que eu conheço, e vocês sabem que eu sou muito verdadeiro e realista. Esse time não é o Cruzeiro que eu conheço”, encerrou.

O Cruzeiro encerrou sua participação no Campeonato Brasileiro da Série A, neste domingo (08), com derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, no estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Com o resultado negativo como mandante, a Raposa terminou na 17ª posição na tabela de classificação do Brasileirão com 36 pontos conquistados em 38 jogos realizados, e joga no próximo ano a Série B do Campeonato Brasileiro.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_