BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Catarinense: Eduardo Meurer destaca aprendizado pelo Atlético Tubarão (SC) na Copa Santa Catarina

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
O volante Eduardo Meurer em ação pelo Atlético Tubarão (SC) pela Copa Santa Catarina - Crédito: Leonardo Hübbe

Da Redação
Tubarão, SC, 02 de janeiro de 2020

O volante Eduardo Meurer em ação pelo Atlético Tubarão (SC) pela Copa Santa Catarina – Crédito: Leonardo Hübbe

Com formação nas categorias de base do Atlético Tubarão (SC), o volante Eduardo Meurer, 20 anos, foi confirmado pelo técnico Pingo para a disputa do Campeonato Catarinense desta temporada. Diante deste cenário, o atleta do Peixe destacou a importância que a disputa da Copa Santa Catarina teve nesta ascensão. Antes da competição catarinense, ele disputou a 4ª Divisão do Campeonato Paulista com a camisa do Amparo.

Ele fez sua estreia pelo Atlético Tubarão (SC) na Copa Santa Catarina e foi elogiado pelo comandante, que o indicou como melhor da partida logo em seu primeiro jogo, no empate em 0 a 0 com o Marcílio Dias. “Em tudo na vida temos que tirar algum aprendizado, e essa Copa foi muito boa para ‘aprender’ como é jogar no profissional. Acho que já passou a fase de testes, então agora é seguir minha carreira aqui no clube”, disse o volante Eduardo Meurer.

Dudu, como é conhecido no Peixe, é um dos jogadores mais antigos da casa e chegou no Domingos Silveira Gonzalez em 2015. Nas categorias de base, foi campeão da Copa Ver Vale e da Série B do Catarinense Sub-17, finalista do Estadual Sub-20 e disputou a Copa São Paulo de Futebol Júnior. No início deste ano, emprestado ao Amparo para a disputa da Segunda Divisão Paulista, fez a sua estreia profissionalmente.

“Essas primeiras semanas da pré-temporada é trabalhada mais a parte física. A comissão técnica utiliza muitos treinos com campo reduzido, que particularmente me agrada bastante porque é tanto físico como técnico”, concluiu.

Em 2019, o Atlético Tubarão (SC) teve como retrospecto a luta contra o rebaixamento para a segunda divisão do Campeonato Catarinense, e terminou a competição estadual na oitava posição, eliminações na primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D e Copa do Brasil imposta pelo Brasil de Pelotas (RS), além de alcançar a semifinal da Copa Santa Catarina, onde foi superado pelo Brusque, que viria se sagrar campeão daquele campeonato.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_