BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Alemanha: Ex-Internacional (RS), Iago Borduchi festeja convocação para a Seleção Olímpica

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Da Redação
Augsburg, ALE, 04 de janeiro de 2020

O lateral-esquerdo Iago Barduchi foi convocado para defender a Seleção Brasileira Sub-23 no pré-olímpico da Colômbia – Crédito: Christian Kolber

O lateral-esquerdo Iago Borduchi, ex-Internacional (RS) e atualmente no Augsburg (ALE), foi convocado pela Seleção Brasileira para a disputa do torneio Pré-Olímpico, entre 18 de janeiro e 9 de fevereiro, que será realizado na Colômbia. Esta competição que garante duas vagas aos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. O defensor, de 22 anos, é chamado pelo técnico André Jardine, ex-São Paulo, pela segunda vez.

A primeira convocação para a Seleção Brasileira Sub-23 aconteceu em junho do ano anterior. Borduchi foi titular e campeão com a Seleção no Torneio de Toulon, na França. O ex-colorado vibrou com a nova chance, relembrou o título na França, e espera vencer o pré-olímpico e as Olimpíadas com a amarelinha. “Fiquei muito feliz com a convocação, é sempre uma honra enorme poder defender a Seleção Brasileira”, disse.

“É muito bom voltar, tive uma pequena lesão na minha pré-temporada com o Augsburg (ALE) que me afastou da seleção também, mas já estou jogando normalmente há alguns meses, pude até fazer meu primeiro gol na Bundesliga. As coisas estão indo muito bem pra mim na Alemanha e estou muito feliz com tudo isso. Foi muito bom ser campeão com o Brasil em Toulon, agora espero que possamos repetir o feito no Pré-Olímpico e também em Tóquio (JPN)”, contou o lateral.

Na atual temporada 2019/2020, Iago disputou seis jogos (quatro como titular) e marcou um gol na Bundesliga. O Augsburg (ALE) faz boa campanha e é o atual décimo colocado no Campeonato Alemão. Revelado pelo Internacional (RS), o defensor estreou profissionalmente pela equipe gaúcha em 2017, contribuindo para recolocar o clube na elite do futebol brasileiro.

Em 2018, foi titular absoluto na ótima campanha na Série A e ajudou a conquistar uma vaga direta à Libertadores. Dono da posição, seguiu no Inter até junho de 2019, quando foi negociado com o Augsburg (ALE) em uma das maiores transferências da história do clube alemão. Ao todo, foram 81 jogos com a camisa colorada, 76 como titular, com sete assistências e três gols.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_