BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Covid-19: Atleta do Estoril (POR), Khevin ajuda comunidade carente enquanto aguarda retorno do futebol

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Atleta do Estoril (POR), o volante Khevin ajuda famílias carentes, em Florianópolis (SC), durante este período de pandemia - Crédito: Divulgação

Atleta do Estoril (POR), o volante Khevin ajuda famílias carentes, em Florianópolis (SC), durante este período de pandemia – Crédito: Divulgação

Da Redação
Amoreira, POR, 21 de abril de 2020

Com a crise mundial provocada pelo novo coronavírus, muitas pessoas já começaram a sentir os impactos causados pelo isolamento social e, consequentemente, o desemprego. Natural de Florianópolis (SC), o volante Khevin, do Estoril (POR), se sensibilizou com a comunidade carente do Morro do Mocotó, onde cresceu, e está procurando fazer a sua parte. O clube português ocupa a 4ª colocação na segunda divisão do Campeonato Português com 39 pontos conquistados.

“Eu conheço muita gente na comunidade. São amigos de longa data e sei que muitos já estão passando dificuldades. Estou tentando ajudar de alguma forma com doações de cestas básicas e divulgação do projeto Futebol Escola, que é desenvolvido com muita seriedade no Mocotó”, revelou o jogador.

Isolado em Portugal e longe de familiares e amigos, o volante segue realizando o protocolo de treinamento enviado pelo clube enquanto aguarda um posicionamento sobre o retorno do campeonato. “Estou em casa direto e acompanhando as notícias pela televisão. Faço os treinamentos que o clube me passa diariamente e converso com os demais jogadores por telefone na expectativa sobre o retorno das atividades. É um momento muito delicado e precisamos ser cautelosos para não colocar a vida de ninguém em risco”, analisou.

Revelado pela Chapecoense, Khevin passou ainda pelo Grêmio e Toledo até ser negociado com o futebol europeu. Aos 22 anos, o volante havia disputado seis jogos com a camisa do Estoril (POR) até a paralisação da competição. O clube português é o quarto colocado na tabela de classificação da segunda divisão do futebol português com 39 pontos conquistados em 24 jogos realizados. Apenas os dois primeiros colocados garantem vaga na elite portuguesa na próxima temporada.

“Foi tudo muito rápido. Disputei o campeonato paranaense pelo Toledo e acabei despertando o interesse dos dirigentes do Estoril. Foi uma felicidade muito grande ter a oportunidade de jogar na Europa e estou muito feliz aqui. É o início de uma longa caminhada, mas vou lutar muito para buscar o meu espaço”, finalizou.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_