BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Portugal: Sem revelar valores, Nicolas Careca, atacante do Estoril (POR), cobra antigos empresários na Justiça

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Atacante do Estoril Praia (POR), Nicolas Careca cobra na Justiça valores devidos, segundo ele, por antigos empresários - Crédito: Divulgação

Atacante do Estoril Praia (POR), Nicolas Careca cobra na Justiça valores devidos, segundo ele, por antigos empresários – Crédito: Divulgação

Da Redação
Amoreira, POR, 13 de maio de 2020

Revelado nas categorias de base do Grêmio, o atacante Nicolas Careca, que atualmente defende as cores do Estoril Praia (POR), cobra na Justiça antigos empresários [Wanderley Matias e Vinicius Emídio, da Prime Sports], que segundo ele, não teriam repassado os valores referentes a transferências de clubes que realizou nos últimos anos. No entanto, atleta brasileiro não revelou os valores que estão sendo cobrados, através, do poder judiciário. Além do clube português, ele defendeu o ucraniano Vorskla, Figueirense e Oeste.

“Eu fui emprestado para o Vorskla, da Ucrânia, em 2018 e tava me saindo bem na minha primeira experiência internacional, e quando estava chegando ao final da temporada, mais ou menos em março, esses empresários apareceram e me ligaram por vídeo dizendo que tinham várias propostas para trabalharem comigo. Achei bem interessante o que eles colocaram na mesa. E nisso chegou propostas muito boas da Turquia, como Denizlispor, Boluspor, com valores superiores ao que eu recebia, Chipre, dentre outras. Só que o que foi prometido quase nada foi cumprido”, disse.

Além de não repassarem o que era do atleta, os empresários acabaram perdendo toda a documentação para a cidadania, mas logo encontraram, assim que Careca começou a cobrar o dinheiro devido. “Eu tinha um dinheiro para receber deles e acabei não recebendo, cerca de 70% do que era devido. Era uma quantia que ajudaria a terminar minha casa e ajudar minha família. Só quero o que é meu por direito, e isso sem falar que eles tinham perdido toda minha documentação para dar entrada na cidadania italiana”, explicou.

“Não fizeram, mas depois que comecei a cobrá-los, eles encontram a documentação, depois de meses dizendo que não sabiam onde estavam. Esse é um desabafo que queria fazer pois tem muita gente desonesta no mercado e tem que se precaver e sempre procurar informações sobre as pessoas para não cair em falsas promessas”, lamentou.

Nicolas, 22 anos, tem mais dois anos de contrato com o Estoril Praia, equipe da Segunda Liga de Portugal. Nesta temporada, que se encerrou por conta do Covid-19, o brasileiro fez 17 jogos com três gols. O Estoril Praia terminou na quarta colocação da segunda divisão do Campeonato Português com 39 pontos conquistados em 24 jogos realizados. Sua campanha foi composta por 12 vitórias, 03 empates, 09 derrotas, marcou 35 gols e sofreu outros 26.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_