BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Covid-19: Arrecadação com venda de lanches garante sobrevida ao Flamengo (SP) neste período de pandemia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Renda obtida com a venda dos lanches é revertida integralmente para os cofres do clube - Crédito: Divulgação

Valor arrecadado com a venda de lanches equivale à quase 10% das despesas mensal – Crédito: Divulgação

Antônio Boaventura
Guarulhos, SP, 19 de maio de 2020

A proliferação da pandemia provocada pelo Covid-19 não causou sérios estragos apenas no sistema de saúde mundial, mas também arrastou suas consequências aos mais variados setores da economia global. E com o futebol não foi diferente. Com uma despesa mensal de aproximadamente R$ 40 mil, o Flamengo (SP) encontra neste período dificuldades para arcar com seus compromissos. Diante deste quadro, a Lancheteria Guarulhos incluiu em seu cardápio o lanche Associação Atlética Flamengo e destina o valor integral da venda ao Corvo.

“Esse sanduíche se chama Associação Atlética Flamengo e faz parte do cardápio da lancheteria. Como vários outros lanches, a gente atende aos atrativos da cidade. E o Flamenguinho é o time do coração. Então, colocamos o lanche e é um dos que mais tem saída”, disse Sérgio Freitas, chefe de cozinha e sócio da Lancheteria Guarulhos.

Além da bilheteria nos dias de jogos, o Rubro-Negro guarulhense tem como fonte de receita o aluguel da quadra de futebol society, patrocínios de camisa, placas de publicidade no estádio Antônio Soares de Oliveira e a arrecadação com o estacionamento. Sem estas ações financeiras, o clube teve de dispensar vários atletas e manteve apenas oito em seu elenco. O Flamengo (SP) disputa atualmente o Campeonato Paulista da 4ª Divisão.

Lucas Bricker, sócio da Lancheteria Guarulhos, ressaltou a importância da ação realizada em benefício do clube guarulhense, além de contribuir para que a economia local possa estar em movimento. “Nunca foi tão fácil e tão gostoso ser sócio-torcedor de um time. Você se alimenta, come um lanche gostoso, ajuda seu time, a roda gira e todo mundo sai feliz”, declarou Bricker.

No último sábado (09), foram vendidos quase 140 lanches à um custo unitário de R$ 22. O valor arrecadado de R$ 3.036,00 foi repassado o clube. Vice-presidente do Corvo, o empresário Flávio Carvalho ressaltou as condições atuais do time da cidade de Guarulhos (SP) e valorizou à ação realizada. “Essa ajuda caiu do céu e a gente não tinha mais nada. Não tínhamos condições nenhuma de arcar com as despesas e essas ações é que vão sustentar o clube até passar esta época”, concluiu.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_