BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Espanha: Presidente do Barcelona (ESP) diz que retorno de Neymar é pouco provável

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
O atacante brasileiro Neymar dificilmente deverá voltar a vestir a camisa do Barcelona (ESP) nesta temporada - Crédito: Divulgação

O atacante brasileiro Neymar dificilmente deverá voltar a vestir a camisa do Barcelona (ESP) nesta temporada – Crédito: Divulgação

Da Redação com Agência Brasil
Barcelona, ESP, 07 de julho de 2020

O presidente do Barcelona (ESP), Josep Maria Bartomeu, afirmou nesta terça-feira (07), em entrevista à rádio espanhola RAC-1, que a contratação do atacante brasileiro Neymar é muito pouco provável no atual momento, no qual os times de futebol têm de lidar com prejuízos provenientes da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O time da Catalunha ocupa a vice-liderança do Campeonato Espanhol.

“É pouco provável uma negociação assim, pois a situação de todos os times na Europa é muito difícil (…). Todos estão vendo como se reestruturar após a pandemia”, declarou o dirigente ao ser perguntado sobre um possível retorno do atacante brasileiro, que atualmente está no PSG.

Durante a conversa, Bartomeu também comentou os rumores de que o craque argentino Lionel Messi poderia deixar a equipe catalã, pois ainda não renovou o seu contrato, que expira no dia 30 de junho de 2021. “Vejo Messi querendo continuar. Ele sempre disse que deseja se aposentar no Barça, e estou convencido de que isso acontecerá”, declarou o dirigente.

Ainda nesta terça-feira, o Barça divulgou nota informando que a Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) deu ganho de causa ao clube espanhol na disputa jurídica travada com o Santos pela contratação de Neymar. O Peixe ainda não se pronunciou sobre a decisão. Corte internacional avalia que compra do atacante em 2013 foi regular. O Tribunal Arbitral do Esporte rejeitou integralmente o processo movido pelo Santos na FIFA, no qual exigia do Barça o pagamento de 61.295.000 euros em indenizações, além de sanções esportivas, relacionadas com a contratação do atacante brasileiro.

O posicionamento do time europeu diz que o Santos terá que pagar ao Barcelona os custos do processo: 20 mil francos suíços (R$ 114 mil). O time catalão disputa com o rival Real Madrid (ESP) o título desta temporada do Campeonato Espanhol. Nesta quarta-feira (08), ás 17h [Horário de Brasília (DF)], no Camp Nou, em Barcelona (ESP), o Barça faz o clássico da Catalunha diante do Espanyol (ESP), lanterna daquela competição nacional.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_