BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Paulistão: Competição tem data de inscrição ampliada e rebaixamento mantido

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
O Santos lidera o grupo A do Campeonato Paulista da Série A1 e já está garantido na fase quartas de final da competição estadual - Crédito: Ivan Storti

O Santos lidera o grupo A do Campeonato Paulista da Série A1 e já está garantido na fase quartas de final da competição estadual – Crédito: Ivan Storti

Da Redação com Agência Brasil
São Paulo, SP, 09 de julho de 2020

O conselho técnico que reuniu Federação Paulista de Futebol (FPF) e dirigentes dos 16 clubes da primeira divisão (Série A1) do Campeonato Paulista decidiu nesta quinta-feira (09) pela manutenção do regulamento específico prévio da competição, paralisada desde 16 de março por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Segundo a nota divulgada pela FPF, “se fez necessária apenas uma adequação nas datas das partidas, de registro e de inscrição de atletas”.

Após liberação do Governo do estado de São Paulo, o torneio será reiniciado em 22 de julho com portões fechados. A nova data limite para registro de atletas é 20 de julho, com a inscrição de novos jogadores até 21 de julho. Com a manutenção do regulamento específico, está confirmado que haverá rebaixamento no Estadual. Se o torneio acabasse hoje, cairiam para a Série A2 (segunda divisão) Ponte Preta e Botafogo de Ribeirão Preto.

O Botafogo (SP), conforme a FPF, foi justamente o único a pedir adiamento do reinício do Estadual e a se manifestar contra a adequação nas datas de registro e inscrição, o que, segundo a nota, o presidente do Conselho de Administração botafoguense, Adalberto Batista, qualificou como “mudança de regulamento”. Até a publicação deste texto, o clube não se pronunciou.

Para autorizar o reinício da primeira divisão, o governo paulista determinou que os jogos fossem disputados somente em municípios situados na terceira das cinco fases de flexibilização da quarentena no estado (a amarela). Até o momento, apenas a cidade de São Paulo e parte da região metropolitana da capital estão neste estágio. As etapas são revistas pelo governo a cada 15 dias, conforme evolução nas ações de contenção da pandemia.

No comunicado, a federação afirmou que “com a constante atualização das cores das regiões, os locais e horários das partidas serão definidos nos próximos dias e comunicados oficialmente”. A entidade também informou que custeará transporte e hospedagem de times que não puderem atuar em suas cidades, se os clubes assim solicitarem. Atualmente, das 17 regiões do estado, 10 estão na fase vermelha (a de maior restrição) e cinco (além de outra parte da região metropolitana da capital) na laranja (segunda etapa de maior restrição).

O Paulistão retornará para conclusão das duas últimas rodadas da primeira fase e a disputa do mata-mata. Ao todo, são seis datas e 24 jogos até o término do torneio, previsto para 8 de agosto. No mesmo fim de semana, segundo calendário da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), começam as Séries A, B e C nacionais, que reúnem 10 equipes da Série A1.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_