BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Catarinense: Márcio Coelho classifica como desastrosa partida do Figueirense contra o Juventus (SC)

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
O técnico Márcio Coelho atribuiu a eliminação do Figueira no Catarinense à um possível excesso de confiança - Crédito: Divulgação
O técnico Márcio Coelho atribuiu a eliminação do Figueira no Catarinense à um possível excesso de confiança - Crédito: Divulgação

O técnico Márcio Coelho atribuiu a eliminação do Figueira no Catarinense à um possível excesso de confiança – Crédito: Divulgação

Da Redação
Florianópolis, SC, 29 de julho de 2020

O Figueirense não conseguiu sustentar nesta quarta-feira (29), no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC), a vantagem conquistada no primeiro jogo da fase quartas de final do Campeonato Catarinense diante do Juventus (SC) e acabou eliminado. Para o técnico Márcio Coelho a atuação do Figueira foi desastrosa e aponta possível excesso de confiança por conta da vitória por 2 a 1 no primeiro confronto.

“A gente fez uma boa primeira partida e elevou as expectativas, trouxemos a vantagem, mas fizemos um jogo desastroso. Até pensei em fazer trocas no intervalo, mas no meu entendimento o problema não era estrutural ou individual, mas sim coletivo. Tentamos corrigir de forma coletiva, mas não sutil efeito. Tomamos o gol com um minuto e agravou nossa situação”, declarou o técnico Márcio Coelho.

Os gols daquela partida foram marcados por Marllon Pereira, em duas oportunidades, Allan Almeida e Geovane Souza à favor dos visitantes, enquanto Rafael Berger descontou para o Alvinegro Catarinense. Coelho também destacou um possível excesso de confiança de seus comandados naquele confronto, além de afirmar que trabalha o elenco para evitar que situações como essa possam acontecer.

“Pode ser que tenha tido excesso de confiança, são armadilhas e a nossa mente não funciona para entender em que dois mais dois é quatro. A gente procura combater essas situações quando nos deparamos”, concluiu.

Depois da derrota por 4 a 1 para o Juvenrus (SC), nesta quarta-feira (29), em parida disputada no estádio Orlando Scarpelli, localizado na cidade de Florianópolis (SC), o Figueirense acabou eliminado desta edição do Campeonato Catarinense, que está em sua segunda retomada por conta do avanço da pandemia provocada pelo Covid-19. Agora, o Figueira volta suas atenções para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B, que está previsto para começar no começo do próximo mês.

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_