BUSCAR NOTÍCIA

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_

Série B: Aylon acredita que Chapecoense precisa ser imponente na Arena Condá

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
O atacante Aylon marcou o primeiro gol da Chapecoense na vitória por 2 a 1 sobre o Guarani - Crédito: Divulgação

Klauber Pavesi*
Chapecó, SC, 24 de agosto de 2020

Apesar dos 100% de aproveitamento como mandante neste começo de disputa do Campeonato Brasileiro da Série B, o atacante Aylon, ex-Internacional (RS), entende que a Chapecoense precisa ser mais imponente sempre que atuar na Arena do Índio Condá,, em Chapecó (SC). Nessa segunda-feira (24), a Chape venceu o Guarani por 2 a 0 e alcançou a terceira colocação com 10 pontos.

“A gente sabe que o time do Guarani é um time que gosta muito da posse de bola então a gente decidiu pressionar bastante eles. A gente tem que resgatar esse espírito da Arena de estar ganhando, ser forte e aguerrido”, disse o atacante Aylon, autor do primeiro gol do Verdão Catarinense.

O outro gol da Chapecoense foi marcado pelo atacante Anselmo Ramon, ex-Guarani, Cruzeiro e Vitória. Já o lateral-direito Matheus Ribeiro revelou que a equipe optou por cadenciar a partida nos 45 minutos finais, mas, que o mais importante durante a disputa do segundo nível do futebol nacional é a conquista dos três pontos. A Chape tem um jogo a menos que os demais adversários por conta dos problemas com Covid-19 do CSA.

“Ficamos morosos no segundo tempo, mas na Série B o importante é vencer, pontuar. Temos que seguir pontuando para conquistar o acesso”, encerrou Ribeiro.

Na 3ª colocação do Campeonato Brasileiro da Série B com 10 pontos conquistados em 4 jogos realizados, a Chapecoense encara nesta sexta-feira (28), ás 20h30, na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), o Cuiabá, 2º colocado na competição nacional com 10 pontos ganhos. Este confronto é válido pela 6ª rodada do certame. Os quatro primeiros colocados garantem vaga na próxima edição do Campeonato Brasileiro da Série A, enquanto os quatro últimos são rebaixados à Série C da competição nacional.

*Sob supervisão de Antônio Boaventura

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM_