Carioca: Marcelo Mattos comemora classificação e retorno aos gramados com a camisa do Vasco após mais de 3 anos

Time da Colina venceu o Bangu por 1 a 0 – gol do atacante Tiago Reis -, e conquistou sua classificação para a final da Taça Rio diante do Flamengo

Dois anos e meio após sofrer uma grave lesão no joelho direito nas vésperas de uma partida decisiva contra o Santos, pela Copa do Brasil, Marcelo Mattos retornou aos gramados para fazer o que mais ama. Na reta final do jogo contra o Bangu, visando dar consistência ao sistema defensivo para impedir as investidas do adversário, o treinador Alberto Valentim optou pela entrada do volante no lugar de Rossi.

Não foram muitos os minutos que o experiente jogador permaneceu em campo, porém o período foi suficiente para emocionar todos que de alguma forma acompanharam seu drama nas três últimas temporadas. Visivelmente emocionado, Marcelo Mattos se ajoelhou no gramado após o apito final e foi abraçado pelos companheiros. O camisa 41 foi recebido com muitos aplausos no vestiário.

“Fiquei muito tempo sem jogar, e confesso que passou pela minha cabeça que não estaria vivendo esse momento de hoje. Aconteceu por duas ou três vezes, mas sempre apareciam pessoas que passaram por momentos complicados e não desistiram para me motivar. Parece que Deus colocava todos no meu caminho para não me fazer desistir, pois tinha um presente reservado para mim. Esse momento é único e estou muito feliz. Muito feliz mesmo. Agradeço ao Vasco por não ter desistido de mim”, afirmou o volante.

A reestreia de Marcelo Mattos estava programada para acontecer no final de semana passado, em São Januário, mas as circunstâncias da partida impediram a comissão técnica de executar o plano. Quis o destino que a carreira do vitorioso volante recomeçasse no Maracanã, local onde ele disputou sua última final com a camisa cruzmaltina: contra o Botafogo, pelo Campeonato Carioca 2016.

“O próximo passo é o Flamengo e vou seguir trabalhando firme para receber outras oportunidades. É sempre uma decisão. Agora será pela final da Taça Rio e vamos em busca da vitória, pois quem joga num clube da grandeza do Vasco precisa pensar em ganhar tudo que disputa. Seja numa disputa interna de treinamento, ou num jogo de cartas. Vai ser um jogo bonito, pegado, e espero que a gente consiga sair de campo com o resultado positivo”, finalizou o camisa 41.

Comentários

avatar
  Subscribe  
Notify of