Catarinense: Sem espaço no Santos, goleiro Vladimir comemora acerto com o Avaí até final da temporada

Com Vanderlei no elenco e a contratação do goleiro Éverson, ex-Ceará, o jogador percebeu que perderia espaço no Peixe, do técnico argentino Jorge Sampaoli. E por isso preferiu jogar no time de Geninho, de grande história na Vila Belmiro

Da Redação
Florianópolis, SC, 25 de janeiro de 2019

Agora é oficial. Na quinta-feira (24/1), após reunião com seu agente Beto Lopes, Vladimir aceitou os termos do seu empréstimo ao Avaí até o final do ano. O goleiro tem contrato com o Santos até dezembro de 2020, mas como estava fora dos planos do técnico Jorge Sampaoli preferiu defender clube que vai disputar a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro.

“O Avaí tem torcida e tradição. Retornou à Série A, disputa o Campeonato Catarinense, que está muito competitivo, e tem um projeto bacana. Encaro esse empréstimo com muita seriedade, planejando coisas boas para 2019. Vou honrar a camisa até o último dia de contrato´´, garante o jogador baiano revelado pelo Santos.

Vladimir não esconde a felicidade com a oportunidade de ter uma sequência de jogos.

“Essa transferência por empréstimo será muito boa para ganhar mais quilometragem, mais experiência. As coisas só acontecem quando o atleta está jogando, em atividade´´, argumentou.

A transferência para o clube de Santa Catarina irá possibilitar que o goleiro trabalhe pela primeira vez com o técnico Geninho. O atleta, no entanto, disse que só tem boas referências do comandante avaiano.

“Conheço a história vitoriosa do Geninho no futebol. É um baita treinador e todo mundo fala super bem dele, tanto como pessoa como na parte profissional. Do elenco, já trabalhei no Santos com o (zagueiro) Betão, com o (meia) Pedro Castro e o Marquinhos, que agora é dirigente do clube´´, concluiu Vladimir.

Fonte: Tática Assessoria