Copa do Brasil: Vanderlei Luxemburgo substitui Ney Franco no comando técnico do Sport Recife

Pentacampeão brasileiro, treinador de 65 anos chega ao Recife nesta terça-feira, 30, e estreia nesta quarta-feira, 31, diante do Botafogo (RJ)

Da Redação
Recife, PE, 29 de maio de 2017

O carioca Vanderlei Luxemburgo, de 65 anos, é o novo técnico do Sport. Ele chega ao Recife nesta terça-feira, 30, e deve acompanhar o treino da equipe à tarde no CT. Pentacampeão brasileiro como treinador, ele demonstrou bastante entusiasmo com o acerto com o Leão e com a sua primeira oportunidade de trabalhar no futebol nordestino.

“É uma grande oportunidade. Minha primeira vez no Nordeste, um grande momento profissional. Vou levar o meu conhecimento a um grande clube”, afirmou Vanderlei Luxemburgo. “Vou trabalhar visando uma conquista de um Brasileiro. Assisti a alguns jogos do Sport, que tem jogadores experientes e que mescla com jovens”, completou.

Luxemburgo ressaltou a importância da torcida rubro-negra para o sucesso de seu trabalho. “Sempre foi muito difícil jogar contra o Sport na Ilha. Tem uma magia especial aí. Essa magia tem que existir sempre a nosso favor. Se das 38 rodadas do Brasileirão, em 19 vamos atuar na Ilha, é uma vantagem a nosso favor. Conto com o torcedor”, disse o técnico.

O novo técnico do Leão iniciou a carreira como técnico em 1983, no time do Campo Grande (RJ). Depois, passou por vários grandes clubes do País como Palmeiras, Flamengo, Cruzeiro e Santos. Entre 1998 e 2000, comandou a seleção brasileira. Sua principal experiência internacional foi no comando do espanhol Real Madrid em 2005.

O vice-presidente de futebol do Leão, Gustavo Dubeux, comemorou o desfecho. “Ficamos satisfeitos com a conclusão de um trabalho de negociação que iniciou na quinta-feira e terminou nesta segunda, que teve a ousadia do nosso presidente (Arnaldo Barros). Houve uma sinergia grande entre Sport e Luxemburgo. Ele tem um perfil de garra, um perfil vencedor, enérgico”.

“O que identifica com a tradição do Sport. Nós temos uma oportunidade muito grande no segundo semestre, nas competições que estamos disputando, como é o Brasileiro, que exige muita energia. Estamos satisfeitos de ter Luxemburgo”, disse. “Agora, é pedir ao torcedor que compareça para encher a Ilha, já a partir desta quarta-feira, contra o Botafogo. Precisamos deles para seguir em frente”, completou Dubeux.