Copa SP: Fã de Messi, Rodrigo Villares admite superioridade e favoritismo do Goiás diante da AD Guarulhos

Para o camisa 10 do Índio guarulhense, a Copa São Paulo tem o significado de Copa do Mundo para os jovens atletas das categorias de base

Antônio Boaventura
Guarulhos, SP, 03 de janeiro de 2018

Inspirado no argentino Messi, que defende as cores do Barcelona (ESP), o meia Rodrigo Villares admitiu a superioridade técnica do Goiás no duelo contra a AD Guarulhos e também o favoritismo do Esmeraldino para ficar com uma das duas vagas do grupo 29 para a próxima fase da Copa São Paulo. Precisando da vitória no clássico guarulhense contra o Flamengo (SP), ele entende que é possível conquistar os três pontos e conquistar a inédita classificação para o Índio na competição.

“Sabíamos que o Goiás era o favorito da chave. Nós não nos entregamos e tentamos jogar de igual pra igual. O placar de 4 a 0 não reflete o que foi o jogo. Tentamos impor o nosso ritmo e acredito que fizemos uma boa partida. Agora vamos trabalhar ir em busca dessas duas vitórias”, declarou o meia Rodrigo Villares.

Em sua última disputa, já que o ultrapassa no próximo ano o limite de idade permitida, o camisa 10 da agremiação azul e branca de Guarulhos (SP), afirma que a Copa São Paulo se trata da Copa do Mundo para os jovens jogadores das categorias de base. E revela que tem o sonho de atingir o mesmo patamar alcançado pelo meia argentino Messi, que defende as cores do Barcelona (ESP).

“É uma emoção muito grande. Joguei no ano passado e estou jogando a minha última. É a Copa do Mundo da base. Gosto muito do Messi, que é meu ídolo, e tento me espelhar nele o máximo. Todo mundo sonha estar em um algum dia no lugar que ele está. A gente tem uma formação em que acreditamos nela, e vamos em busca dessa vitória no clássico”, concluiu.

Na lanterna do grupo 29 da Copa São Paulo com nenhum ponto conquistado, a AD Guarulhos faz o clássico guarulhense neste sábado, 06, ás 14h, diante do Flamengo (SP), que venceu o Sete de Setembro (AL) por 1 a 0 na estreia, no estádio Municipal Antônio Soares de Oliveira, em Guarulhos (SP). No duelo realizado no ano anterior, o Índio guarulhense levou a melhor ao vencer o rival pelo placar de 2 a 1, de virada.