Libertadores: “Libertadores não permite este tipo de jogo”, disse Rever após derrota do Atlético (MG) para o Cerro Porteño (URU)

Galo mineiro foi superado por 1 a o pelos paraguaios e busca sua reabilitação, fora de casa, contra o Nacional (URU)

A campanha pode ser surpreendente para quem está de fora. Não para Ronaldo Alves, que garante humildade e união no Leão da Ilha do Retiro. E o vice-líder do Brasileiro já tem novo desafio neste sábado (9/6), às 19 horas, contra o Vasco

Depois de superar as fases de classificação, o Atlético (MG) não teve a estreia dos sonhos na chamada etapa de grupos da Copa Libertadores. Em pleno estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, em Belo Horizonte (MG), o Galo das Minas Gerais acabou derrota por 1 a 0 pelo Cerro Porteño (PAR), gol de Churín. Já o zagueiro Réver entende que o time do técnico Levir Culpi precisa mudar a postura para os demais confrontos da competição internacional.

“Infelizmente não saímos com o resultados que queríamos. Fizemos um primeiro tempo um pouco abaixo e sem muita criação tentamos sair no segundo tempo feito loucos para fazer o gol. Mas, temos que ter em mente que a [Copa] Libertadores acaba não permite este tipo de jogo”, declarou o zagueiro Réver, após a derrota para o Cerro Porteño (PAR).

Já o técnico Levir Culpi demonstrou sua indignação com a não marcação de um possível impedimento do atacante Churín no gol marcado pelos paraguaios. Contudo, o técnico do Alvinegro das Minas Gerais ressalta que seus comandados não tiveram competência para deixar o gramado com os três pontos. Na próxima rodada daquela chave, o Galo encara o Nacional (URU), fora de casa.

“Foi uma bola ilegal. Não foi? Eu não possa falar isso e afirmar? Então, o que há? Faltou para nós competência para matar o jogo e vencer a partida. Estou tomando uma posição agora, por que a assessoria de imprensa me disse que o [jogador no lance do] gol estava impedido. Não tinha nenhuma noção. Como foi um lance rápido, acontece muitas coisas durante o jogo”, encerrou.

Na 4ª colocação do grupo E da Copa Libertadores com nenhum ponto conquistado em 1 jogo realizado, o Atlético (MG) encara na próxima terça-feira, 12, ás 21h30, no estádio Parque Central, em Montividéu (URU), o Nacional (URU), 2º colocado com 3 pontos ganhos. Este duelo é válido pela segunda rodada daquela chave da competição internacional. Os dois primeiros colocados de cada grupo garantem vaga na próxima fase.

Comentários

avatar
  Subscribe  
Notify of