Paulista A3: Barretos, de Paulinho McLaren, e Velo Clube, de Karmino Colombini, seguem 100%

Dos 16 clubes participantes na Terceira Divisão do Estadual (Série A3), apenas dois venceram a segunda consecutiva. O Touro, da cidade de Barretos, e o popular Galo Vermelho, de Rio Claro. As duas equipes jogaram em casa e fizeram a sua parte

Futebol Caipira, por Luiz Ademar
São Paulo, SP, 23 de janeiro de 2019

Terminou nesta quarta-feira (23/1) a segunda rodada do Campeonato Paulista da Terceira Divisão (Série A3). E os destaques são o Barretos, do técnico Paulinho McLaren, e o Velo Clube, da cidade de Rio Claro, comandado por Karmino Colombini. As duas equipes venceram a segunda consecutiva e lideram com seis pontos.

Na cidade de Barretos, no estádio Fortaleza, o time da casa recebeu o Olímpia em crise, após demitir o técnico Vitor Mosca, logo na primeira rodada, e estreando no comando Lucas Del Vecchio. E a partida foi muito difícil, estava empatada por 1 a 1 até na reta final, quando o Barretos finalmente marcou o segundo gol com Marcos Nunes, aos 45 minutos do segundo tempo.

João Henrique havia aberto o placar para o Barretos, aos 38 minutos, com Zezinho deixando tudo igual aos 43 do primeiro tempo. O Olímpia perdeu a segunda partida seguida e deixou a sua torcida preocupada com o futuro.

Já em Rio Claro, o suado gol da vitória do Velo Clube surgiu apenas nos acréscimos do segundo tempo. A partida estava empatada, sem gols, até aos 48 minutos do segundo tempo, quando Gustavo Laguna balançou a rede aos 49 minutos, para delírio do time da casa, e desespero do técnico Baiano, do Taboão da Serra, que ainda não venceu na temporada e está sendo obrigado a levar seu time para jogar na cidade de Guarulhos.

Duas equipes de cidades vizinhas conquistaram a primeira vitória na Série A3. Em São Carlos, o Comercial, que havia perdido do Noroeste na estreia, em casa, venceu o São Carlos, que perdeu a segunda, por 1 a 0, gol de Caio Vieira. E em Batatais, o time da casa suou para bater o EC São Bernardo por 1 a 0, gol de João Gledson.

Quem também se reabilitou, mas no tremendo sufoco, foi o Capivariano, que jogando na cidade de Capivari, só conseguiu marcar o gol da vitória, por 1 a 0, em cima do Rio Preto, aos 47 minutos do segundo tempo. E a bola na rede salvadora foi de Arthur, testando certeiro.

Três empates finalizaram a segunda rodada do Campeonato Paulista da Terceira Divisão. No clássico de Osasco, na Grande São Paulo, Audax, que marcou com Heltton, e Grêmio Osasco, que fez com Rafael Rosa, ficaram no 1 a 1. Em Bauru, Noroeste e Primavera também ficaram no 1 a 1. O time da casa marcou com Diego Souza, cobrando pênalti, e a equipe de Indaiatuba deixou tudo igual com Lucas Lopes.

Na cidade de Porto Feliz, o Desportivo Brasil perdeu a oportunidade de ficar com 100% de aproveitamento ao deixar o Monte Azul chegar ao empate aos 45 minutos do segundo tempo: 2 a 2. Lucas Douglas e Glauco fizeram os gols do time da casa, com o time de Monte Azul Paulista chegou a igualdade com Gabriel Souza e Téssio.

CLASSIFICAÇÃO

1º Velo Clube – 6 pontos
Barretos – 6
3º Desportivo Brasil – 4 pontos
Primavera – 4
Batatais – 4
Noroeste – 4
7º EC São Bernardo – 3 pontos
Comercial – 3
Capivariano – 3
10º Audax – 2 pontos
11º Monte Azul – 1 ponto
Rio Preto – 1
Taboão da Serra – 1
Grêmio Osasco – 1
15º São Carlos – 0
Olímpia – 0